ISTOÉ Gente

‘Assustador e triste’, lamenta Fátima Bernardes sobre festa no Copacabana Palace

Crédito: Reprodução/Instagram

Fátima Bernardes (Crédito: Reprodução/Instagram)

Fátima Bernardes lamentou a falta de empatia e responsabilidade com a realização de uma festa com quase 500 pessoas no Copacabana Palace, no Rio de Janeiro, que contou com famosos como Gusttavo Lima, Ludmilla, Mumuzinho entre outros, em meio à pandemia do novo coronavírus.

Na manhã desta segunda-feira (17), a apresentadora aproveitou o espeço do seu programa “Encontro” para criticar os responsáveis pela celebração inapropriada para o momento difícil em que o mundo está vivendo: “Realmente é muito triste a gente ver isso, porque é como se o contágio não estivesse mais acontecendo. O fato de a vacina ter surgido não impede que as pessoas sigam se contaminando. É assustador e triste”, começou Fátima.


Ela ainda insistiu que a multa aplicada no hotel, no valor de R$ 15.466,81, deveria ser bem mais rígida. “Eu, sinceramente, acho que 15 mil reais de multa para uma instituição como o Copacabana Palace é muito pouco, acho que a punição deveria ser mais rígida”, completou.

Saiba mais sobre a festa no Copacabana Palace

O hotel Copacabana Palace reservou todos os salões, na noite da última sexta-feira (14), para uma festa blacktie para 500 convidados. Segundo informações do jornal Metrópoles, o evento é em comemoração ao aniversário do bicheiro Adilson Coutinho de Oliveira. Gusttavo Lima foi contratado para fazer um show, enquanto Alexandre Pires e Mumuzinho estariam na lista da promoter Carol Sampaio.

A assessoria da Secretaria de Ordem Pública do Rio de Janeiro (Seop) informou que, após visita ao hotel, não foi encontrado nada fora do normal. “Fomos no Copacabana Palace mais cedo. Fizemos um termo de vistoria juntamente com a Vigilância Sanitária em nossa fiscalização, mas não havia nada de errado no momento da ação”.

Por meio de nota, o Copacabana Palace informou que “para realização do evento do dia 14 de maio nas dependências do hotel, foram cumpridas todas as exigências e obrigações legais estabelecidas pelo decreto n° 48.845, publicado em 7 de maio de 2021 no Diário Oficial do Município”.