ISTOÉ Gente

Associadas ao nazismo, Maiara e Maraísa devem processar Folha de S. Paulo

Crédito: Reprodução/Instagram

O jornal Folha de S. Paulo e o jornalista Anderson França devem ser processadas por Maiara e Maraisa em breve. Pelo menos, isso é o que a dupla sinaliza para os próximos dias. As cantoras sertanejas foram associadas ao nazismo por conta de uma imagem veiculada junto a artigo com críticas ao silêncio de determinados grupos artísticos sobre o discurso de Roberto Alvim.

O texto foi publicado originalmente na terça-feira, dia 21. A ilustração, no entanto, acabou sendo retirada do ar horas depois. “Associar a dupla ao nazismo é uma grande irresponsabilidade e uma agressão as cantoras que repudiam toda e qualquer atitude que remeta a essa época tão sombria da história”, afirma a dupla em nota divulgada pelas redes sociais.

“Diante de tamanha agressão e irresponsabilidade, o departamento jurídico das artistas já foi acionado para que os responsáveis respondam juridicamente pelos seus atos”, complementa o conteúdo assinado pelas cantoras. Elas salientam serem defensoras da liberdade de imprensa.

Veja também:
Maiara e Maraisa pagaram R$ 150 mil a Mayra Cardi para perder peso
“Não somos feministas”, afirmam cantoras Maiara e Maraisa

Por conta da possibilidade de ser alvo de processo por parte de Maiara e Maraísa, a Folha de S. Paulo se manifestou sobre o assunto, pelo Twitter. “A Folha pede desculpas à dupla Maiara e Maraisa pela ilustração de autoria de Anderson França publicada em artigo do colunista nesta terça”.

Confira os posts de Maiara e Maraísa, e também da Folha: