Esportes

Artilheiro da Copinha de 2017 tem futuro incerto na volta ao Corinthians

Carlinhos foi emprestado ao Marcílio Dias-SC até o mês de abril, mas não teve contrato prorrogado. No retorno ao Timão, está no elenco do sub-23 e tem vínculo até dezembro

Artilheiro da Copinha de 2017 tem futuro incerto na volta ao Corinthians

Carlinhos tem contrato com o Timão até dezembro de 2020 (Foto: Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians)

Depois de empréstimo ao Marcílio Dias-SC, o atacante Carlinhos está de volta ao Corinthians. O jovem da base do clube, porém, ficará aos cuidados da equipe sub-23 enquanto procura um novo destino. A informação foi publicada primeiramente pelo GloboEsporte.com e confirmada pelo LANCE!.

Carlinhos se destacou em 2017, quando foi artilheiro da Copinha defendendo o Timão, que foi o campeão naquele ano. Em 2020 ele estava emprestado ao Marcílio Dias até o fim do mês de abril, no entanto mesmo com a pandemia de coronavírus, não teve o contrato prorrogado para o restante do Campeonato Catarinense e assim retornou para o seu o clube de origem.

Acontece que no Corinthians o centroavante de 23 anos não terá espaço, já que não será utilizado pelos profissionais e há tempos não tem idade para a base. Sendo assim, ele ficará como jogador da equipe sub-23, que ainda não tem um calendário previsto para depois da paralisação dos jogos, ou seja, daqui até dezembro, quando termina seu vínculo com o Timão, pode ficar sem jogar.

A ideia é que nesse meio tempo Carlinhos encontre um destino para um novo empréstimo ou ficará treinando no clube até o fim do contrato. O atacante fez apenas dois jogos como profissional do Corinthians. A partir de 2018, ele passou a ser emprestado e vestiu a camisa de Oeste, Novorizontino e Vila Nova. Em seu último time, o Marcílio Dias, atuou em quatro partidas e não marcou.

Veja também

+ Entenda como a fase crítica da pandemia de Covid-19 pode ter sido superada em SP
+ Ford Ranger supera concorrentes e é líder de vendas
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Cantora Patricia Marx se assume lésbica aos 46 anos de idade
+ Saiba em quais lugares o contágio pelo novo coronavírus pode ser maior