Esportes

Argentino volta após 6 anos, ganha uma luta e vira 6º colocado no ranking da AMB

O argentino Sergio Martinez, ex-campeão mundial dos pesos médios, venceu o espanhol Jose Miguel Fandino, de 36 anos, no último dia 21, em Torrelavega, na Espanha, por nocaute, no sexto assalto. O boxeador sul-americano, de 45, não lutava desde 2014, quando perdeu para o porto-riquenho Miguel Cotto. Surpreendentemente, a vitória o colocou em sexto lugar no ranking da Associação Mundial de Boxe (AMB) à frente, inclusive, do brasileiro Esquiva Falcão, 13.º colocado.

“Eu preciso de metas para continuar lutando e uma de minhas metas é enfrentar Ryota Murata, campeão pela Associação Mundial de Boxe. Quero voltar a ser campeão e nada, nem ninguém vai me impedir”, disse o boxeador diretamente ao presidente da AMB, durante uma live.

Martinez possui um cartel de 52 vitórias (28 nocautes), três derrotas e dois empates. Em uma de suas principais vitórias, superou o mexicano Julio Cesar Chavez Jr. em um duelo espetacular, realizado em 2012.

O japonês Ryoto Murata derrotou Esquiva Falcão na decisão da medalha de ouro olímpica, nos Jogos de Londres-2012. O brasileiro também aguarda uma possibilidade de revanche, desta vez no profissionalismo.

Veja também

+ Grave acidente do “Cake Boss” é tema de reportagem especial

+ Pudim japonês não tem leite condensado; aprenda a fazer

+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"

+ MG: Pastor é preso por crime sexual e alega que caiu em tentação

+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por desconto de até 50% na parcela

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

+Vídeo mostra puma perseguindo um corredor em trilha nos EUA

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Mulher sobe de salto alto montanha de 4 mil metros

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago