Esportes

Argentina vence (2-1) e deixa o Chile mais longe da Copa do Catar-2022

A Argentina, sem Lionel Messi e aguentando bem a altitude de Calama, derrotou por 2 a 1 o Chile, que ficou com um pé fora da Copa do Mundo do Catar-2022 na partida disputada nesta quinta-feira pelas eliminatórias sul-americanas.

A Albiceleste, já classificada para o Catar, conquistou a vitória graças aos gols dos atacantes Ángel Di María aos 10 minutos e Lautaro Martínez (34), enquanto o Chile marcou por meio do atacante Ben Brereton (21).


Com grande atuação de Di María, que assumiu a responsabilidade de liderar a equipe na ausência de Messi, a Argentina teve um desempenho correto, quase sem sofrer nos 2.400 metros de altitude de Calama, controlando o jogo com força e bom toque de bola, e defendendo de forma correta quando os argentinos davam sinais de cansaço, já na reta final do jogo.

Para o Chile foi uma noite para ser esquecida, sem profundidade e ordem, muito necessária para alcançar uma vitória que era urgente para ainda ter esperança de chegar ao Catar. Mas a três jogos do final das eliminatórias, a sorte parece lançada para a Roja.

Na próxima terça-feira, a Argentina receberá a Colômbia, enquanto o Chile jogará suas últimas chances nos 3.600 metros de altitude de La Paz, onde enfrentará a Bolívia.

msa/cl/aam





Tópicos

fbl