Comportamento

Arábia Saudita acaba com entradas separadas para mulheres nos restaurantes

Arábia Saudita acaba com entradas separadas para mulheres nos restaurantes

Barreira separa os homens das mulheres em uma lanchonete em 11 de julho de 2004 em Riade - AFP/Arquivos

Os restaurantes e cafés na Arábia Saudita já não têm a obrigação de dispor de entradas separadas para as mulheres, indicaram as autoridades do reino ultraconservador, que se lançou em um programa de reformas econômica e social.

+ SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria

Esses estabelecimentos até agora tinham duas entradas, para homens sozinhos e outra para mulheres com suas famílias.

O ministério de Municipalidades e Assuntos Rurais anunciou neste domingo no Twitter a eliminação de várias obrigações para os restaurantes, entre elas a de ter “uma entrada para os solteiros e outra entrada para as famílias”.

Não está claro ainda se a obrigação diz respeito também ao interior dos estabelecimentos, onde é frequente ter uma sala para os homens sozinhos e outras para as famílias.

Sob o impulso do príncipe herdeiro Mohammed bin Salman, a Arábia Saudita entrou em um amplo programa de reformas que inclui uma flexibilização das proibições que afetam as mulheres.

Veja também

+Cidadania divulga calendário de pagamentos da extensão do auxílio emergencial

+MasterChef: competidora lava louça durante prova do 12º episódio’

+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé durante briga por pastel

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea