Esportes

Após vice no US Open, Medvedev estreia com vitória em São Petersburgo

De volta às quadras após ser vice-campeão do US Open, o tenista russo Daniil Medvedev estreou com vitória no Torneio de São Petersburgo, diante de sua torcida, nesta quinta-feira. O atual número quatro do mundo, e principal candidato ao título da competição de nível ATP 250, superou o compatriota Evgeny Donskoy por 2 sets a 0, com parciais de 7/5 e 6/3.

Foi a primeira partida oficial de Medvedev desde a sua derrota na épica final contra o espanhol Rafael Nadal na final do último Grand Slam do ano, em Nova York. Na partida disputada no dia 8 deste mês, o russo foi batido por 3 sets a 2, numa batalha de 4h50min de duração.

Contra o 118º do mundo, Medvedev apenas oscilou no set inicial, quando chegou a perder um game de serviço. No entanto, não evitou o triunfo na parcial. Ele terminou a partida com quatro quebras de saque, sendo duas em cada set. O duelo durou 1h16min.

Nas quartas de final, o quarto do mundo vai encarar outro compatriota. Andrey Rublev, quinto cabeça de chave, despachou o lituano Ricardas Berankis por 6/4, 6/7 (5/7) e 6/1.

Já Karen Khachanov, outro tenista da casa, decepcionou em sua estreia. O cabeça de chave número dois da competição russa foi superado pelo português João Sousa por 7/6 (7/2) e 6/4.

Os demais pré-classificados evitaram a zebra nesta quinta. O italiano Matteo Berrettini (3º), semifinalista do US Open, bateu o espanhol Roberto Carballes Baena por 6/1 e 6/2.

O norueguês Casper Ruud (8º) avançou ao derrotar o italiano Salvatore Caruso por 6/3 e 6/4, e o croata Borna Coric (4º) se garantiu nas quartas diante do abandono do húngaro Marton Fucsovics no terceiro set. Coric vencia por 6/7 (5/7), 7/5 e 3/0.

FRANÇA – No Torneio de Metz, também de nível ATP 250, o belga David Goffin se despediu da competição logo na estreia. Ele era o principal favorito ao título. No entanto, acabou caindo diante do espanhol Pablo Carreño Busta por 6/3 e 6/2. Nas quartas de final, o tenista da Espanha vai enfrentar o esloveno Aljaz Bedene, que despachou outro favorito, o local Gilles Simon, por 7/6 (11/9) e 6/2.

Já os cabeças de chave Nikoloz Basilashvili, da Geórgia, e Lucas Pouille, da França, confirmaram o favoritismo. O segundo cabeça de chave bateu o alemão Yannick Maden por 6/2 e 7/6 (8/6), enquanto o quarto pré-classificado superou o italiano Lorenzo Sonego por 6/1 e 6/4.

Em duelo local, Jo-Wilfried Tsonga eliminou Pierre-Hugues Herbert por 6/3 e 6/4. E terá Basilashvili pela frente.