Ediçao Da Semana

Nº 2742 - 12/08/22 Leia mais

Graças a capacidade incomparável de tornar virais músicas com o beat viciante e coreografia envolvente, o TikTok se tornou um dos maiores aliados para jovens artistas e revolucionou o mercado. Um grande case de sucesso é a música “Chá de Sumiço”, da promissora Mih em parceria com o cantor Jall e o DJ 2F .

A faixa foi tocada mais de 60 milhões de vezes na rede social, além de ser o primeiro hit do selo musical Mousik a alcançar a marca de um milhão de plays no Spotify. Celebrando todas essas recentes conquistas, a música recebe agora uma nova versão, assinada por Lucas Vrau. ‘’Chá de Sumiço (Remix)’’ já está disponível em todos os tocadores digitais desde a última sexta-feira (24), em ritmo de brega-funk.

Filha de músico e artista plástico, Mih teve o pai como sua primeira referência na arte e o principal incentivador da sua carreira. A jovem, que começou a trajetória com singles que mesclam sonoridades do pop norte-americano, agora mergulha no universo do funk. Nessa nova fase, Mih conta com a parceria de nomes de peso: DJ 2F, que é um dos produtores do último EP da Ludmila, “Back to Be”, e o talentoso Jall, filho de Jailton Dantas, da icônica Banda Mel, que teve o axé como base de sua educação musical e, hoje, conversa com o funk, o trap e o rap em suas canções.

Na faixa, Jall começa narrando um reencontro caloroso: “Tá doidinha pra se soltar dentro desse quarto escuro / Senta / Shii, quietinha! Não pode fazer barulho!”. E Mih demonstra superioridade nessa relação entre quatro paredes: “Se deixar comigo, eu tomo o controle dando aula pra bandido / Faço o meu nome depois dou logo um perdido”. Toda essa disputa entre os dois acontece ao som de um beat sensual e envolvente, que ganhou a roupagem brega-funk, subgênero tendência do momento.