Esportes

Após primeiros treinos com Ceni, Léo exalta novo técnico do Cruzeiro: ‘Um líder’

Crédito: Bruno Haddad / Cruzeiro

Os jogadores do Cruzeiro tiveram nesta quarta-feira, na Toca da Raposa II, em Belo Horizonte, o segundo dia de treinos com o técnico Rogério Ceni, contratado no último fim de semana no lugar de Mano Menezes. Um dos atletas mais experientes do elenco, o zagueiro Léo fez elogios ao novo comandante, que tem as missões de recuperar o time no Campeonato Brasileiro e de brigar por uma das vagas na final da Copa do Brasil.

“Tivemos três anos com a filosofia do Mano, um treinador que encerrou seu ciclo vitorioso, de conquistas de títulos. O Mano deixou sua história aqui no clube com seu trabalho. Agora começa um novo ciclo do Rogério. A primeira impressão que tivemos dele foi muito boa. Todo o elenco está abraçando sua chegada para que ele possa fazer seu trabalho, para que ele conquiste títulos também. Ele já tem como jogador uma história muito vitoriosa. É um líder. A gente espera que ele marque sua história e faça com que a gente consiga voos altos”, projetou.

Léo ressaltou que já é possível notar as diretrizes do trabalho do ex-goleiro. “Ele já demonstrou sua maneira de trabalhar, sua filosofia, sua ideologia. Temos uma semana boa de trabalho e esperamos aproveitar da melhor maneira, para implantarmos a ideia e a estratégia para esse jogo com o Santos. É um momento muito importante para podermos dar a volta por cima e mudar essa situação. Todo jogo é uma oportunidade para melhorarmos como equipe. É um grupo vencedor. Jogo a jogo pretendemos buscar as soluções e as vitórias”, opinou.

A estreia de Rogério Ceni será contra o Santos, líder do Brasileirão, neste domingo, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte. Léo enxerga o duelo como uma oportunidade importante para a recuperação da equipe, que está na zona de rebaixamento – em 17.º lugar, com 11 pontos.

“É uma grande oportunidade que temos de enfrentar uma grande equipe que é o Santos, que vem fazendo bons jogos, com confiança, mas é a oportunidade da gente fazer um bom trabalho, buscar nossa vitória, sabendo das dificuldades que vão acontecer no jogo. Mas precisamos superar todas elas para buscarmos a vitória em nossa casa”, projetou o zagueiro.

Para encarar o Santos, Rogério Ceni não poderá contra com o lateral-direito Edilson, que foi expulso diante do Avaí. Com isso, o colombiano Orejuela mantém a titularidade. Por outro lado, o meia Thiago Neves e o centroavante Fred voltam de suspensão.