Esportes

Após expulsão, Natan, do Flamengo, explica que não xingou árbitro

Zagueiro, que estava no banco de reservas, foi expulso pelo árbitro Alexis Herrera no empate com o Racing, em Avellaneda, e desfalca o rubro-negro no jogo de volta na terça 

Após expulsão, Natan, do Flamengo, explica que não xingou árbitro

O Flamengo conseguiu um bom resultado diante do Racing, em Avellaneda, ao empatar por 1 a 1 no jogo de ida das oitavas de finais da Libertadores. O duelo foi marcado por lances confusos com várias expulsões e erros. A atuação do árbitro Alexis Herrera foi bastante questionada pelos torcedores brasileiros e argentinos. Nos últimos dez minutos da partida um lance curioso aconteceu: o zagueiro Natan, que estava no banco de reservas, foi expulso.

Em sua rede social, o jovem zagueiro explicou que não xingou o árbitro como foi colocado na súmula e pediu desculpas à torcida pelo cartão vermelho. Com isso, o defensor desfalcará o rubro-negro na partida de volta, no Maracanã, às 21h30 (de Brasília), na próxima terça-feira.

– Referente o que foi divulgado pelo árbitro da partida na súmula, gostaria de me posicionar deixando claro pra todos que em nenhum momento xinguei o juiz. Quem me conhece sabe que jamais iria fazer isso ou algo do tipo, mas Infelizmente fui escolhido aleatoriamente pra receber o vermelho, que me deixou fora da próxima partida. Peço desculpas a todos, mesmo sem entender até agora tudo que aconteceu. Estou triste com o cartão, mas bola pra frente, seguir firme e trabalhando – disse Natan.

Na postagem do zagueiro, o diretor Marcos Braz apoiou o atleta ao dizer que “ele não xingou ninguém”. Além do lado do Flamengo, a imprensa argentina também questionou a atuação de Herrera. O diário ‘Olé’ se mostrou inconformado, já que um gol do Racing foi anulado e eles alegam que a equipe foi prejudicada.

– Mena fez linda corrida pela esquerda e passou fácil por Everton Ribeiro, servindo o ídolo para dar uma ótima cabeçada. Enorme golaço, que o venezuelano Alexis Herrera anulou por uma falta inexistente do chileno. Foi insólito de tudo o VAR acionar o juiz – publicou o Olé.

Diante das expulsões e erros da arbitragem, o técnico Rogério Ceni terá dor de cabeça para montar a sua defesa no jogo de volta, que valerá uma vaga nas quartas de finais da Libertadores. Além de Natan, Thuler também foi expulso ao dar uma entrada mais dura no adversário e após consulta ao VAR.

Outros cinco zagueiros do elenco estão inscritos na Libertadores: Gustavo Henrique, Léo Pereira, Otávio, Noga e Rodrigo Caio. Contudo, o defensor titular absoluto do título de 2019 segue em recuperação e está afastado dos jogos do Flamengo desde setembro. Neste sentido, a volta do experiente zagueiro ganhou contornos de urgência e ele será reavaliado no Ninho do urubu.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Carla Perez fala sobre vida nos EUA: “Aqui é vida normal”
+ Denise Dias faz seguro do bumbum: “Meu patrimônio”
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel