O espanhol Carlos Alcaraz, eliminado na segunda rodada de Queen’s, torneio na Inglaterra em que defendia o título, caiu para a terceira posição do ranking da ATP, superado pelo astro sérvio Novak Djokovic, a uma semana do início de Wimbledon.

A participação de ‘Djoko’ no grande evento anual em quadra de grama é um mistério, depois da lesão no joelho sofrida pelo sérvio em Roland Garros e que o obrigou a passar por uma cirurgia.

O ranking continua sendo liderado pelo italiano Jannik Sinner, que no domingo conquistou o primeiro título da sua carreira na grama de Halle, na Alemanha, ao derrotar na final o polonês Hubert Hurkacz.

Graças a seu vice-campeonato, Hurkacz, de 27 anos, subiu ao 7º lugar do ranking, a sua melhor posição até o momento.

O argentino Sebastián Báez (N.18) e o americano Sebastian Korda (N.20) também alcançaram a melhor classificação das suas carreiras.

Thiago Seyboth Wild é o tenista brasileiro mais bem posicionado no ranking. Ele permaneceu em 74º enquanto Thiago Monteiro perdeu cinco posições e é agora o 84º.

– Ranking da ATP de 24 de junho:

1. Jannik Sinner (ITA) 9.890 pts

2. Novak Djokovic (SRB) 8.360 (+1)

3. Carlos Alcaraz (ESP) 8.130 (-1)

4. Alexander Zverev (ALE) 6.905

5. Daniil Medvedev (RUS) 6.445

6. Andrey Rublev (RUS) 4.420

7. Hubert Hurkacz (POL) 4.235 (+2)

8. Casper Ruud (NOR) 4.025

7. Alex De Miñaur (AUS) 3.830 (-2)

10. Grigor Dimitrov (BUL) 3.750

11. Stefanos Tsitsipas (GRE) 3.745

12. Tommy Paul (EUA) 3.205 (+1)

13. Taylor Fritz (EUA) 3.145 (-1)

14. Ben Shelton (EUA) 2.545

15. Holger Rune (DIN) 2.370

16. Ugo Humbert (FRA) 2.300

17. Félix Auger-Aliassime (CAN) 2.075 (+1)

18. Sebastián Báez (ARG) 2.030 (+1)

19. Nicolás Jarry (CHI) 1.825 (+1)

20. Sebastian Korda (EUA) 1.795 (+3)

./bds/smr/gk/mcd/es/aam/aa