Cultura

Após dez anos de proteção policial, escritor italiano desabafa: ‘Continuo vivo!’

Após dez anos de proteção policial, escritor italiano desabafa: ‘Continuo vivo!’

Escritor italiano Roberto Saviano durante uma entrevista em 17 de março de 2010 em Roma - AFP/Arquivos

“Continuo vivo!”, disse, em tom de desafio aos mafiosos, o escritor italiano Roberto Saviano, ao cumprir 10 anos vivendo sob proteção policial, em um texto publicado nesta segunda-feira no jornal La Repubblica.

“O que eu gostaria de gritar a eles hoje é: vocês não conseguiram, não conseguiram o que queriam”, disse o escritor, de 37 anos.

Saviano vive sob proteção desde que foi ameaçado de morte pela máfia napolitana após a publicação, em 2006, de seu livro “Gomorra”, que vendeu 10 milhões de exemplares no mundo todo.

“Não parei, não me curvei, mesmo que mais de uma vez tenha me sentido destroçado”, confessou ao jornal com o qual colabora assiduamente.

O escritor e jornalista lembrou do dia em 2006, quando recebeu a chamada telefônica de uma autoridade policial que lhe informou que ele iria ficar sob proteção.


+ Grávida do quinto filho, influenciadora morre aos 36 anos
+ Após assassinar a esposa, marido usou cartão da vítima para fazer compras e viajar com amante

Quando foram buscá-lo em sua casa, Saviano perguntou quanto tempo a proteção duraria, e o policial respondeu: “Vários dias, acho”.

“Fazer um resumo desses anos é muito difícil. Antes de mais nada, quero expressar minha gratidão aos policiais que me escoltaram todos os dias”, disse Saviano. “Tornaram-se uma famíilia, frequentemente foram seus quartéis que me abrigaram”, acrescentou.

“Durante esses anos, não só tive que enfrentar a dificuldade de uma vida sob proteção, como também a estupidez dos que falam sem saber de nada”, prosseguiu.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel