Economia

Após Copom, curva de juros mantém precifição de mais 175 pontos-base em dezembro


A curva de juro a termo manteve a precificação de alta de 175 pontos-base da Selic em dezembro, para 9,50%, após o Comitê de Política Monetária (Copom) elevar a Selic na quarta-feira, 27, em 150 pontos-base (p.b) para 7,75%, e não em 175 p.b, como a curva apontava. Os cálculos são do economista-chefe da Greenbay Investimentos, Flávio Serrano.

O Copom, no entanto, em seu comunicado, sinalizou outra alta de 150 p.b em dezembro.

Outro aumento de 175 p.b está precificado para a reunião de para fevereiro, com Selic encerrando 2022 em 13%.

Serrano, por sua vez, espera uma alta de 150 p.b na próxima reunião, para 9,25%, e Selic terminando em 11% no ano que vem, com chance de afrouxamento monetário no segundo semestre, por conta de “inflação de 2022 indo para abaixo da meta, baixo crescimento, hiato aberto e desemprego elevado”, sendo que o economista não descarta o risco de recessão em 2022. “Também há chance de o PIB ser negativo já no primeiro trimestre de 2022”, diz.


Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais

Tópicos

taxas de juros