Esportes

Após casos de Covid-19, Sormani diz que Flamengo paga por ‘bobagens’ na pandemia

Comentarista esportivo esteve na ESPN Brasil, nesta segunda-feira, e entende que Rubro-Negro sofre por mal que ele mesmo incentivou

Após casos de Covid-19, Sormani diz que Flamengo paga por ‘bobagens’ na pandemia

A contaminação de sete atletas do Flamengo foi assunto no programa “Futebol na Veia”, na ESPN Brasil, nesta segunda-feira. Para o comentarista Fábio Sormani, que participava da atração, o clube paga o preço de ter feito “bobagens” ao ser uma das primeiras equipes a querer o retorno do futebol durante a pandemia de coronavírus no país.

– Foi primeiro a querer a volta do futebol, está pleiteando a volta de público ao estádio. Enfim, o time que mais bobagens fez nesta pandemia chama-se Clube de Regatas do Flamengo, e hoje está pagando o preço por isso. Tem sete jogadores infectados. O Landim deu uma entrevista dizendo que não tem ambiente mais seguro do que um clube de futebol. Mentira. Quase que o time inteiro do Flamengo já foi infectado. Que lugar seguro é esse? – afirmou o jornalista.

Entre julho e agosto, enquanto o futebol brasileiro ainda planejava retomar as atividades no país, o Flamengo, junto ao Vasco, foi um dos clubes cariocas que apoiou o Cariocão ser finalizado mesmo com as taxas de mortes ainda instáveis no Rio de Janeiro.

Após ser goleado por 5 a 0 pelo Independiente del Valle, na última semana, pela Libertadores, o time do treinador Domènec Torrent volta aos gramados nesta terça-feira, no Equador. Vale lembrar que a equipe não atuou no fim de semana por ainda estar no país para a partida contra o Barcelona de Guayaquil. Nesta semana, Isla, Filipe Luís, Diego, Vitinho, Bruno Henrique, Michael e Matheuzinho foram diagnosticados com Covid-19.

Veja também

+ Grave acidente do “Cake Boss” é tema de reportagem especial

+ Pudim japonês não tem leite condensado; aprenda a fazer

+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"

+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por desconto de até 50% na parcela

+ Cirurgia íntima: quanto custa e como funciona

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ O processo de formação como obra

+ Arte e algoritmo: Uma genealogia

+ Radicalmente vivo