Cultura

Aos 95 anos de idade, morre músico italiano Franco Cerri


MILÃO, 18 OUT (ANSA) – O guitarrista italiano Franco Cerri, de 95 anos de idade, morreu nesta segunda-feira (18), em Milão.   

Ele é considerado um dos maiores e mais conceituados músicos do jazz do país.   

A morte do guitarrista foi confirmada pelo seu filho, Nicolas Cerri, em uma publicação no Facebook.   

“As sete notas e os três violões cumprimentam Franco Cerri com muito carinho, um grande músico e um grande homem. Boa viagem, pai”, escreveu Nicolas.   

Ao longo da carreira, Cerri tocou com diversos grandes nomes da música italiana, como Bruno Martino, Renato Carosone, Nicola Arigliano e Johnny Dorelli. O guitarrista também entrou para a orquestra de Gorni Kramer.   

Nos anos 1980, Cerri formou dupla com o pianista Enrico Intra, com quem fundou a escola “Musica Oggi”.   

“Tocamos juntos por meio século, convivendo neste mundo do som que sentirá falta de um excelente professor. Franco tinha muita personalidade, sempre foi muito comunicativo, educado e civilizado, aquelas qualidades que todos deveriam ter”, afirmou Intra. (ANSA).   


Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais