ISTOÉ Gente

Antônia Fontenelle é processada pela terceira vez por Felipe Neto, segundo colunista

Crédito: Reprodução Instagram

Após ser alvo novamente de ataques da apresentadora Antônia Fontenelle, o youtuber Felipe Neto resolveu abrir mais um processo na Justiça contra ela, segundo informações da coluna de Fábia Oliveira, do jornal O Dia, do Rio de Janeiro.

Desta vez, ele acionou seus advogados depois que Antônia o chamou na rede social de “canalha”, “câncer da internet” e afirmar que ele teria ensinado crianças a utilizarem a chamada “Deepweb”, que são os sites obscuros e proibidos da internet.

Ainda segundo a coluna, na ação judicial Felipe exige a retirada da publicação ofensiva do ar, no prazo de uma hora, a contar da data e hora da intimação de Antônia sobre a ação, sob pena de R$ 1 mil por hora, em caso de descumprimento.

No processo, advogados do ativista político pedem a condenação da loira ao pagamento de danos morais no valor de R$ 100 mil. O juiz acolheu parcialmente o pedido de Neto. Ele determinou que Antônia cumpra a obrigação de apagar da legenda de sua publicação do último dia 7, as palavras ‘canalha’ e ‘câncer da internet’ no prazo de 24 horas, sob pena de pagamento de multa única de R$ R$ 50 mil.

+ Menina engasga ao comer máscara dentro de nugget do McDonald’s

Veja também

+ Seu cabelo revela o que você come (e seu nível socioeconômico)

+ Grosseria de jurados do MasterChef Brasil é alvo de críticas

+ Gésio Amadeu, o Chefe Chico de Chiquititas, morre após contrair Covid-19

+ Funcionário do Burger King é morto por causa de demora em pedido

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Governo estuda estender socorro até o fim de 2020

+ Bolsonaro veta indenização a profissionais de saúde incapacitados pela covid-19

+ Nascidos em maio recebem a 4ª parcela do auxílio na quarta-feira (05)

+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?