Economia

Aneel confirma resultado de leilão feito em setembro para contratar usinas novas

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) homologou nesta terça-feira, 25, o resultado do leilão realizado em setembro de 2021 para contratar energia de novos empreendimentos. Denominado Leilão A-5, o certame encerrou com previsão de investimentos da ordem de R$ 3,06 bilhões para implementar as novas usinas, sendo que a maior será concentrada em São Paulo.

No total, segundo dados da agência reguladora, foram negociados 1.510 lotes, com preço médio de venda de R$ 238,37 por megawatt-hora (MWh) – um deságio de 17,48% em relação ao preço teto.


O relator do processo na Aneel, diretor Hélvio Neves Guerra, ressaltou a contratação de um total de 40 empreendimentos.

A grande novidade do certame foi a contratação de uma usina termelétrica que gera energia a partir de resíduos sólidos. Também foi contratada uma usina hidrelétrica, 11 usinas eólicas, 20 usinas solares fotovoltaicas e sete usinas termelétricas à biomassa.