ISTOÉ Gente

Andressa Urach sobre carros que doou para igreja: ‘Me arrependo’

Crédito: Montagem reprodução Instagram

Andressa Urach (Crédito: Montagem reprodução Instagram)

Andressa Urach usou os Stories do Instagram para falar novamente sobre as doações que fez para a Igreja Universal do Reino de Deus. Na rede social, a modelo disse nesta terça-feira (04) que se arrependeu de ter doado alguns carros para a instituição religiosa.

+ Andressa Urach volta a usar nome de quando era prostituta: ‘Ímola’
+ Grávida, Andressa Urach revela nome do filho: ‘Queria que fosse Bolsonaro’
+ Andressa Urach fala sobre transtorno de personalidade: ‘Estou em tratamento psiquiátrico’
+ ‘Assim que gosto: crente, bela, recatada e do lar’, diz marido de Andressa Urach


“Meu carro é um Renault Kwid mecânico. Vocês sabem que eu doei todos os meus carros para a igreja. Porsche Cayenne blindado, Land Rover, Hyundai i30 blindado, Renault Fluence… Enfim, foram todos os meus carros. Me arrependo porque hoje os pastores e bispos estão andando de Porsche Cayenne blindado e eu, de Kwid”, lamentou Urach.

“Hoje mesmo que eu tivesse condições eu não compraria um carro tão caro. Acho muito perigoso, a violência está muito grande. E esse Kwid é muito bom porque cumpre toda a finalidade, leva e traz a gente e é super econômico. Não gasta muito, tudo é baratinho nele. Então, eu gosto”, finalizou.

Vale lembrar que em agosto do ano passado, Andressa Urach mostrou mensagens com a defesa da igreja liderada por Edir Macedo, contra quem abriu um processo pedindo mais de R$ 2 milhões doados de volta.