Esportes

Anderson Silva afirma que não vai mais lutar MMA: ‘Agora eu só quero curtir’

Anderson Silva afirma que não vai mais lutar MMA: ‘Agora eu só quero curtir’

Os rumores de uma possível aposentadoria do mundo MMA surgiram após a última luta de Anderson Silva pelo UFC. Em entrevista ao programa “Ariel Helwani’s MMA Show”, o Spider confirmou que está fora da modalidade.

“Logo após a luta contra Uriah Hall, eu fui para o vestiário e começaram a me ligar para lutar no Japão. Eu precisava descansar, mas todos os dias muitos eventos, especialmente no Japão e do resto da Ásia, me ligavam. Mas eu não vou mais lutar MMA, porque é duro treinar para o MMA, é difícil fazer um camp em alto nível, você se machuca muito. Agora eu só quero curtir. Não preciso provar mais nada para ninguém. É isso. Eu aceitei a luta contra Uriah Hall e algumas coisas aconteceram nos bastidores. Todo mundo sabe o que estava acontecendo, não preciso ficar falando. Não coloco mais pressão no meu corpo nem na minha mente, pensando em lutar novamente. Só tenho que agradecer a Deus por poder lutar e poder ajudar meu filho Gabriel a treinar”, disse.

Aos 46 anos, Anderson criticou a falta de respeito das organizações com os lutadores e garantiu que a partir de agora vai procurar outras artes maciais.

“O MMA é um esporte incrível, mas acredito que ele não seja mais tão interessante porque as pessoas nos bastidores não respeitam os atletas. Eu tive sorte porque, toda vez que lutei MMA eu treinei duro e pus meu coração e a minha paixão no cage. Felizmente terminei essa parte da minha vida. Talvez meu próximo desafio seja lutar jiu-jítsu, com ou sem quimono. Não sei. Quero apreciar as artes marciais. E, talvez, quando um dia as pessoas me perguntarem sobre boxe, jiu-jítsu e outras artes marciais, eu possa falar alguma coisa, porque terei sabido como é lutar cada uma delas e quanto foi duro treinar para cada uma delas. É importante respeitar o esporte, não importa se você é um lutador, um youtuber ou não”, revelou.

Luta de boxe em junho

Questionado sobre a luta de boxe agendada para 19 de junho, contra Julio Cesar Chavez Jr, o Spider disse que pretende curtir o momento e quando recebeu o convite se perguntou: “Por que não?”.

“Nessa fase da minha vida eu quero curtir as minhas paixões e os meus amores e tentar fazer o meu melhor todos os dias na minha vida pessoal e no meu esporte. Sou um atleta e quero sempre fazer o melhor. Aceitei o desafio pelos meus fãs, para mim e para fazer o meu melhor. Será uma luta de boxe profissional de oito rounds com três minutos de duração no peso de 82,5kg e luvas de 10 onças”, contou.

“Vai ser um bom desafio para mim. Quero curtir o momento e dar o meu melhor. Não pensar em fazer essa luta e depois mais outras como profissional. Não. Vai ser essa luta, depois pode ser que venham mais ou não. Agora eu quero me divertir da melhor forma possível. É uma boa oportunidade, mas eu nunca pensei que lutaria um grande nome como Julio Cesar Chavez Jr. O cara é ex-campeão, e merece respeito”, completou.

Veja também
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Nicole Bahls já havia sido alertada sobre infidelidade do ex-marido
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Chef playmate cria receita afrodisíaca para o Dia do Orgasmo
+ ‘Transo 15 vezes na semana’, diz Eduardo Costa ao revelar tratamento por vício em sexo
+ Mercedes-Benz Sprinter ganha versão motorhome
+ Veja fotos de Karoline Lima, novo affair de Neymar
+ Anorexia, um transtorno alimentar que pode levar à morte
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago