Geral

Alvaro Dias classifica assassinato de Marielle Franco como ‘crime grotesco’

Pré-candidato à presidência da República, o senador Alvaro Dias (Pode-PR), classificou a morte da vereadora Marielle Franco como “um crime grotesco”. “O assassinato da vereadora Marielle Franco choca todo um País e mostra que infelizmente estamos perdendo a guerra para o crime, para a bandidagem”, declarou o parlamentar nas redes sociais.

Ele manifestou pesar também pela morte de Anderson Pedro Gomes, que dirigia o veículo.

Para Dias, Marielle e Anderson foram “brutalmente executados. “Como a própria vereadora disse recentemente, quantos ainda terão que morrer até que soluções drásticas sejam tomadas?”, questionou.