Ediçao Da Semana

Nº 2742 - 12/08/22 Leia mais

Alunos da Escola Estadual Oswaldo Cruz, na zona leste de São Paulo, encontraram câmeras escondidas nos azulejos dos banheiros masculino e feminino da unidade. As informações são do site G1.

A confusão começou quando um aluno do terceiro ano do ensino médio foi flagrado fumando maconha no banheiro. Para comprovar a acusação, a diretora da escola apresentou uma foto. O aluno, no entanto, notou que a imagem era de uma câmera de segurança e a localizou escondida no rejunte dos azulejos.

A namorada dele, que também estuda no local, foi conferir no banheiro feminino e também encontrou. O pai do estudante disse que o jovem viu a câmera e acionou a polícia. Um boletim de ocorrência foi registrado no 18º DP na última sexta-feira (24).

Nilsen Cristina Mendes, vice-diretora da escola, disse à polícia que sabia das câmeras nos banheiros. Ela disse que já teve acesso às imagens, mas apenas em casos de brigas e consumo de substâncias ilícitas. A diretora, que não teve o nome revelado, foi afastada até a conclusão das investigações.

Em nota, a Secretaria Estadual de Educação disse que as câmeras nos banheiros não fazem parte das diretrizes da pasta e que os equipamentos foram removidos. Além disso, uma apuração foi iniciada para investigar todas as circunstâncias relativas asos fatos.