Esportes

Alemanha goleia a África do Sul por 4 a 0 e avança como líder no Mundial Feminino

Com extrema facilidade, a Alemanha goleou a África do Sul por 4 a 0, nesta segunda-feira, em Montpellier, e avançou às oitavas de final do Mundial Feminino de Futebol como líder isolada do Grupo B da competição realizada na França.

Com o triunfo, a seleção alemã seguiu com 100% de aproveitamento no torneio e se classificou com nove pontos ganhos em sua chave. Desta forma, agora apenas espera pela definição do seu rival no seu primeiro mata-mata em solo francês, marcado para o próximo sábado, em Grenoble. A equipe terá pela frente um dos quatro melhores terceiros colocados da fase inicial, sendo que o mesmo poderá vir do Grupo A, C ou D. O Brasil está na vice-liderança do Grupo C atualmente, antes de fechar campanha na primeira fase nesta terça contra a Itália, às 16 horas, em Valenciennes.

Potência do futebol feminino, assim como é no masculino, a Alemanha garantiu a liderança de sua chave pelo quinto Mundial consecutivo – em duas destas edições do torneio, o país se sagrou campeão, em 2003 e em 2007, ano em que derrotou a seleção brasileira na decisão realizada na China.

No duelo desta segunda-feira, as alemãs abriram 3 a 0 já no primeiro tempo, com gols de Melanie Leupolz, Sara Daebritz e Alexandra Popp. Na etapa final, Lina Magull decretou o 4 a 0 no confronto. Antes desta partida, a equipe europeia superou China e Espanha, ambas por 1 a 0, em seus dois duelos iniciais no Mundial.

A seleção espanhola, por sinal, também assegurou classificação às oitavas de final nesta segunda-feira ao empatar por 0 a 0 com as chinesas, em Le Havre, no outro duelo que fechou este Grupo B. Com este resultado, a Espanha ficou com quatro pontos e avançou como vice-líder. Na próxima fase, no dia 24, em Reims, o país terá pela frente o líder do Grupo F, que tem tudo para ser os Estados Unidos, atuais campeões mundiais.

Com seis pontos em dois jogos, sendo que já marcaram 16 gols e não sofreram nenhum em duas partidas, as norte-americanas precisam de um empate para confirmar o topo desta chave em duelo diante da Suécia, nesta quinta-feira, em Le Havre. As suecas também têm seis pontos, mas estão com seis gols de saldo, primeiro critério de desempate, e terão de vencer para ir às oitavas de final como líderes do Grupo F.

A China terminou a primeira fase do Mundial com quatro pontos e ficou atrás da Espanha justamente por causa do saldo de gols (0 a 1). Assim, a seleção asiática agora fica na torcida para se classificar às oitavas de final com uma das quatro melhores terceiras colocadas. Já a África do Sul foi eliminada com três derrotas em três jogos na França.