ISTOÉ Gente

Além de Gabigol e MC Gui, Rafael Vanucci também estava em cassino clandestino

Crédito: Reprodução/Instagram

Rafael Vanucci (Crédito: Reprodução/Instagram)

Mais um famoso furou o isolamento social do novo coronavírus. Além do jogador Gabigol e MC Gui teriam sido levados para a delegacia no último final de semana por estarem um cassino clandestino em São Paulo, o empresário musical Rafael Vanucci, filho da cantora Vanusa, também estava no local.

Os famosos só foram liberados após assinar um termo circunstanciado.


Para a imprensa, o delegado da operação ‘Cassino Clandestino’, Dr. Osvaldo Nico Gonçalves, disse: “Centenas de pessoas aglomeradas, sem máscara, em espaço sem ventilação”.

Em entrevista ao “Fantástico”, Gabigol se justificou e pediu desculpas pelo ocorrido: “É, faltou sensibilidade da minha parte, até por ser meu último dia de férias, estava ali com meus amigos, estava feliz no momento de estar ali com eles, um momento que a gente quase não tem. Acho que faltou um pouquinho de sensibilidade, mas sempre usando máscara, sempre com álcool em gel. Realmente, quando eu percebi que tinha um pouquinho mais de gente, eu estava indo embora”.