Brasil

Agora titular do governo do Rio, Cláudio Castro (PSC) promete diálogo


O governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro (PSC), que era interino até hoje, quando o titular Wilson Witzel (PSC) sofreu impeachment, manifestou-se na noite desta sexta sobre a decisão do Tribunal que julgou Witzel e sobre os desafios de sua função, agora definitiva.

“Diante da enorme responsabilidade de conduzir o Estado nesse período tão difícil, o governador Cláudio Castro recebe a decisão do Tribunal Especial Misto sobre o processo de impeachment. Mais do que nunca, Castro manterá sua premissa histórica do diálogo para superar os desafios de pacificar o Rio de Janeiro e unir esforços no enfrentamento à Covid-19, à fome, à pobreza e pela geração de empregos”, diz a nota do governo do Estado.

Castro tomará posse às 10h deste sábado, 1º, na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj).

Durante a cerimônia, ele vai prestar o juramento constitucional e assinar o termo de posse. Às 14h o governador fará um pronunciamento no Palácio Guanabara, sede do governo do Rio, em Laranjeiras (zona sul do Rio).

Veja também
+ Corpo de Gabby Petito é encontrado, diz site; legista afirma que foi homicídio
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Instituto Gabriel Medina fecha portas em Maresias
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Passageira agride e arranca dois dentes de aeromoça
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Yasmin Brunet quebra o silêncio