Esportes

Agenor elogia ‘amigo’ Muriel, mas confia que será titular do Flu contra o Vasco

A chegada de Muriel agitou a concorrência pela posição de goleiro no Fluminense, mas o atual titular Agenor demonstra tranquilidade e confiança de permanecer na equipe e disputar o clássico, neste sábado, às 11 horas, em São Januário, diante do Vasco, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro.

“Eu e Muriel fizemos a base juntos, profissional juntos. Temos dez anos de convivência. Estamos voltando a parceria novamente. Fiquei feliz de ele ter voltado. Conversamos antes mesmo de ele ser apresentado. Quem ganha é o Fluminense. Sei da capacidade dele, ele sabe da disputa, o tamanho do Fluminense. A briga é boa, saudável, quem ganha é o Fluminense. Hoje me sinto titular, mas não me sinto acomodado”, ressaltou Agenor, em entrevista coletiva nesta quinta-feira.

O goleiro aproveitou para rebater as críticas de que não estaria nas condições físicas ideais. “Não gosto muito de falar sobre essas coisas. Fui bastante cobrado desde o início. Hoje me encontro, sim, no meu peso. Pode pegar os números aqui. Sei da cobrança que tenho no Fluminense.”

Agenor também fez uma análise da sua própria fase. “Eu avalio que venho fazendo uma sequência boa. Os erros que aconteceram eu fui o primeiro a colocar. Sempre converso com o preparador e com o (técnico Fernando) Diniz, sempre tento tirar o máximo dos dois para não repetir erros”, ressaltou.

Sobre o clássico contra o Vasco, Agenor afirmou como acredita que o Fluminense deva se comportar para conquistar um bom resultado. “A postura tem de ser de jogar como estamos jogando. Estamos impondo nosso ritmo de jogo, nossa maneira de jogar. Sabemos que um clássico é diferente, ainda mais fora de casa. Mas, independentemente do adversário, não podemos mudar o que estamos fazendo desde o início do ano com o Diniz. Precisamos transformar os bons números em pontos”, projetou.

A presença de Nenê no elenco, recém-contratado, foi outro assunto abordado pelo goleiro nesta quinta-feira, quando ele qualificou a chegada do meio-campista como benéfica para a equipe tricolor. “O Nenê é um cara super bacana. O grupo o recebeu da melhor maneira possível. Já chegou, já treinou. Se vai jogar ou não é com o Diniz. Se sair jogando ou se for por banco, vai nos ajudar bastante. Temos que pensar ao longo do campeonato e ele fortalece ainda mais o elenco.”

O atacante Wellignton Nem, reforço que desembarcou nas Laranjeiras nesta quinta-feira, também teve a sua contratação vista com bons olhos por Agenor. “Todo jogador que tem qualidade é muito bem-vindo. O Nem chegando, concretizando, é um baita reforço para o Fluminense. Todo mundo sabe da qualidade dele. É mais um cara que temos que tirar proveito. Em um campeonato longo e com dificuldades como o Brasileiro, cada reforço ajuda a gente a sair mais fortalecido.”

Em 15º lugar no Campeonato Brasileiro, o Fluminense tem nove pontos, mesma pontuação do rival Vasco, mas fica à frente no saldo de gols. As duas equipes cariocas brigam com o Cruzeiro para fugir da zona de rebaixamento.