Brasil

Advogada é morta e tem corpo carbonizado no Rio de Janeiro

Crédito: Reprodução / G1

Patrícia Sá Fortes foi morta e teve o corpo carbonizado em Itaipava, na Região Serrana do Rio, na madrugada desta sexta-feira (22). Segundo a Polícia Civil, Rogério dos Santos confessou o crime. As informações são do G1.

Rogério confessou ter matado a advogada porque precisava de dinheiro para pagar um aluguel. Ele disse ter colocado fogo no corpo utilizando pneus.

Ele foi preso neste sábado (23) na casa da namorada, na comunidade do Arará, na Zona Norte do Rio. No local, a polícia encontrou o carro e documentos da vítima. Ele havia tentado fazer uma transferência bancária da conta de Patrícia para uma conta no estado de Roraima (RO).

O delegado Nei José Loureiro, titular da 106ª DP, disse que Patrícia chegava de uma festa, na madrugada de sexta quando foi abordada por Rogério, que já trabalhou com a família da vítima. A polícia conta que Rogério já tem anotações por estupro, lesão, roubo e deixou a cadeia há apenas quatro meses.


+ Rapper implanta diamante de R$ 128 milhões no rosto
+ PR: Jovem desaparecida é encontrada morta; namorado confessa crime
+ Galo bota ovos e surpreende moradores de Santa Catarina

Veja também

+ Aprenda a preparar o delicioso espaguete a carbonara
+ Vídeo: o passo a passo de como fazer ovo de Páscoa
+ Cientistas desvendam mistério das crateras gigantes da Sibéria
+ Sexo: saiba qual é a melhor posição de acordo com o seu signo
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Como fazer seu cabelo crescer mais rápido
+ Vem aí um novo megaiceberg da Antártida
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Os 4 signos mais psicopatas do zodíaco
+ Cataratas do Niágara congelam e as imagens são incríveis
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Editora estreia com o romance La Cucina, uma aventura gastronômia e erótica