Economia

Ações da China sobem corte da taxa de empréstimo acima do esperado

Ações da China sobem corte da taxa de empréstimo acima do esperado

Homem usa máscara de proteção dentro da Bolsa de Valores de Xangai

XANGAI (Reuters) – As ações da China fecharam em alta nesta sexta-feira depois que os bancos chineses cortaram a taxa de referência para hipotecas por uma margem inesperadamente ampla, para reanimar o setor habitacional e impulsionar uma economia em desaceleração atingida por graves surtos de COVID-19.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, subiu 1,95% no dia, enquanto o índice de Xangai teve alta de 1,6%.


O índice de Hong Kong Hang Seng avançou 2,96%, enquanto o China Enterprises Index ganhou 3,2%.

Na semana, o CSI300 teve alta de 2,2%, maior ganho semanal desde 1º de abril. O Hang Seng registrou o maior salto semanal em dois meses, de 4,1%.

A taxa referencial de empréstimo (LPR) de cinco anos foi reduzida em 15 pontos-base, para 4,45% de 4,60%, enquanto que a LPR de um ano ficou inalterada em 3,70%.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 1,27%, a 26.739 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 2,96%, a 20.717 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 1,60%, a 3.146 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 1,95%, a 4.077 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 1,81%, a 2.639 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou alta de 0,78%, a 16.144 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 1,56%, a 3.240 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 avançou 1,15%, a 7.145 pontos.

tagreuters.com2022binary_LYNXNPEI4J0DO-BASEIMAGE