Brasil

ACM Neto expulsa do DEM hacker acusado de invadir celular de Moro

ACM Neto expulsa do DEM hacker acusado de invadir celular de Moro

O presidente nacional do Democratas e prefeito de Salvador, Antonio Carlos Magalhães Neto, determinou a expulsão da sigla de Walter Delgatti Neto, acusado de ser um dos hackers que invadiu os celulares de autoridades, dentre elas o ministro da Justiça, Sérgio Moro. Delgatti Neto foi preso no âmbito da operação Spoofing.

Em nota, o prefeito de Salvador alega que Walter Delgatti descumpriu os “deveres éticos previstos estatutariamente” pelo Democratas. E destacou que ele não tem participação ativa na vida partidária da legenda.

“É importante ressaltar que o Democratas não pode se responsabilizar pelas atitudes dos milhares de filiados ao partido e que condenamos, de maneira veemente e dura, o cometimento de qualquer ato de irregularidade por quem quer que seja – filiado ao DEM ou outras legendas. O Democratas Nacional espera que a Justiça esclareça os fatos e que os envolvidos no processo criminoso sejam punidos de forma efetiva e com todo rigor”, escreveu ACM Neto.

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Cientista desvenda mistério do monstro do Lago Ness. Descubra!
+ Modelo e atriz italiana paga promessa e posta foto ‘só de máscara’ após vitória da Lazio
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel