Geral

AC: Uma aeronave bateu em uma vaca durante a decolagem e avião parte ao meio

Nesta sexta-feira (17), uma aeronave ficou partida ao meio após bater contra uma vaca enquanto decolava. O episódio aconteceu em uma pista na comunidade Novo Porto, no Acre.

No avião estavam Manoel Herles, de 32 anos, o piloto e um outro passageiro. Em entrevista ao G1, Manoel contou como tudo aconteceu. “A pista estava livre, mas aí do nada apareceram os animais. O piloto levantou a frente do avião justamente para a gente não bater em todos, talvez o acidente teria sido ainda maior. Batemos no chão três vezes, rodamos e no terceiro impacto o avião partiu ao meio e só parou quando encostou em uma árvore. Eu estava na parte de trás e quebrou bem nos meus pés. Foi tudo muito rápido”, revelou ele.

Após a queda, a aeronave ficou distante cerca de 15 metros do local do impacto com a vaca. O animal foi arremessado a uma distância de 5 metros e morreu.

“Foi um susto muito grande, não consigo nem explicar. Fiquei só com alguns arranhões na perna, mas tem o trauma psicológico que fica, com certeza. A vida passa em segundos pela nossa cabeça numa hora dessa”, disse Manoel.

No site da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) consta que o certificado de aeronavegabilidade está suspenso e o avião não tinha autorização para fazer o serviço de táxi aéreo. O G1 não conseguiu contato com o piloto e nem com o dono da aeronave.

Veja também

+ Grave acidente do “Cake Boss” é tema de reportagem especial

+ Pudim japonês não tem leite condensado; aprenda a fazer

+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"

+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

+ Teve o auxílio emergencial negado? Siga 3 passos para contestar no Dataprev

+ Caixa substitui pausa no financiamento imobiliário por desconto de até 50% na parcela

+ Cirurgia íntima: quanto custa e como funciona

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ O processo de formação como obra

+ Arte e algoritmo: Uma genealogia

+ Radicalmente vivo