A união da terceira via

Crédito: Leco Viana/TheNews2; Marco Ankosqui; EVARISTO SA/AFP

(Crédito: Leco Viana/TheNews2; Marco Ankosqui; EVARISTO SA/AFP)

Em meio a uma corrida eleitoral sangrenta e perigosa entre os polos extremistas de Lula e Bolsonaro, o Brasil começa a perceber que está cada dia mais próxima a formação de uma terceira via sólida, unida e competitiva para enfrentar o que pode ser visto como uma espécie de eixo do mal. Ela ainda não tem cara definitiva, está em montagem, sendo negociada. Mas os sinais de sua viabilidade são concretos. Os postulantes que se encaixam nessa alternativa já acenam com a atuação em bloco, cedendo espaço ao mais promissor e potencialmente vitorioso, numa chapa que trará a sensatez e a civilidade de volta ao tabuleiro do jogo. É um discurso uniforme entre eles, que já verbalizaram isso em público. Cada um dos candidatos apresentados espera para ver quem dentre todos tocará mais fundo corações e mentes dos eleitores para eventualmente declinar do projeto pessoal em prol de uma saída concreta para o País. Existem inúmeros outros fatores a considerar do que a simples liderança numérica lá na frente na hora dessa escolha da composição. Nem sempre – aliás, quase nunca! – aquele que larga na dianteira demonstra maior poder de crescimento para chegar vivo e brigando cabeça a cabeça na reta final. Percentual de votos por recall de lembrança é algo que não traduz os complexos ingredientes de uma eleição acirrada como essa. Ela se desenvolverá e mostrará as ferramentas mais eficazes mesmo quando a disputa de fato tiver início. A terceira via não pode se dar ao luxo de esperar até lá para concretizar a união dos postulantes. Não teria tempo hábil, no curto prazo de meses, para investir na penetração maciça e taxa de adesão nos currais de votos mais longínquos do Brasil. Para além da sensação de rosto melhor palatável, contarão a estrutura partidária regional, os recursos financeiros, o tempo de TV, a bancada parlamentar que dê suporte ao candidato, a máquina completa de campanha, enfim, que terá de trabalhar muito por essa viabilidade da terceira via. A força de siglas tradicionais, majoritárias, é parte substancial do processo. Alcançar as regiões mais distantes, nos píncaros do interior e do sertão, por exemplo, requer tradição partidária local, com filiais ativas. Nesse sentido, no campo da experiência e da máquina, o Brasil passou boa parte das últimas três décadas assistindo a um embate concentrado entre petistas e tucanos, que afiaram seus instrumentos e ampliaram o know how de como fazer campanhas efetivamente proativas. Diante da realidade de um atual presidente-candidato populista, espécie de mandatário acidental, de fora do bloco, e um petista com experiência de carteirinha nessas pelejas, a opção por João Doria “trabalhador” (seu slogan), do PSDB, com baixíssima taxa de rejeição, a bandeira de “pai da vacina” (que deu início a operação a contragosto do Planalto), governador do Estado mais rico do País – onde faz uma gestão digna de nota, com resultados sociais e econômicos inegáveis – e o poderio do tucanato, parece a mais lógica. No contexto em que o Brasil está, o cálculo potencial para a definição de uma alternativa tem de ser matemático. A candidata do MDB, senadora Simone Tebet, apesar do discurso consistente, da experiência congressista e de ser uma representante feminina (o que ajuda em muito), não detém um plantel de realizações digno de realce, é quase desconhecida do grande público e não é calejada em eleições majoritárias. O ex-ministro e ex-juiz Sergio Moro, um herói nacional, sem dúvida, por toda a trajetória irrepreensível no combate à corrupção com a Operação Lava Jato, tem, por isso mesmo, visibilidade nacional, reputação ilibada, embora lhe falte o essencial: apoio político amplo (seu partido é nanico e os parlamentares, em geral, torcem-lhe o nariz, justamente pela perseguição que empreendeu a muitos de seus correligionários); caixa financeiro suficiente para bancar uma campanha dessa envergadura e traquejo na arte de lidar com eleitores. Moro tem notórios problemas na comunicação (até no modo de falar, que precisou de ser ajustado), uma expertise quase monotemática no campo da Justiça e não se mostra à vontade para a guerra dura de narrativas que terá de enfrentar. Dito tudo isso, a terceira via conta, mesmo assim, com opções bem menos ensandecidas e espoliadoras do Estado que as predominantes até aqui. Nas pesquisas, o “não” a Lula e Bolsonaro – especialmente ao segundo – detém um índice percentualmente considerável a ser conquistado para as fileiras do centro. Na chapa dos sonhos, como uma espécie de “dream team”, muitos defensores advogam o governador João Doria de titular, trazendo Simone Tebet de vice e Moro para o Senado. De uma maneira ou de outra, o trio junto constitui decerto um bloco que pode fazer a diferença para a escolha nas urnas.

Tópicos

bolsonaro hoje Como se fala com o Presidente? Eduardo Bolsonaro escolaridade de lula idade da namorada do lula jair bolsonaro facebook jair bolsonaro idade jair bolsonaro instagram jair bolsonaro na praia grande jair bolsonaro partido jair bolsonaro twitter joão doria altura joão doria carolina doria joão doria fortuna joão doria hoje joão doria neto joão doria pai joão doria site lula estudou até que série lula hoje lula idade lula namorada lula terminou o ensino médio namorada de joão doria O que Lula fez no seu mandato? O que o PT fez de bom para o país? Onde nasceu Bia Doria? Quais os principais problemas que o governo Dilma enfrentou? Quais são os partidos de direita? Quais são os programas sociais do governo PT? Qual a formação do Dória? Qual a formação do Eduardo Bolsonaro Qual a idade do Lula atual? Qual a origem do João Dória? Qual a profissão de Eduardo Bolsonaro Qual é a altura de Luiz Inácio Lula da Silva? Qual é a descendência de Jair Messias Bolsonaro? Qual é a profissão de João Dória? Qual é o atual governador do estado de São Paulo? Qual é o partido do Dória? Qual é o Partido do Lula? Qual é o partido político de Jair Bolsonaro? Qual foi o melhor período econômico do Brasil? Qual foi o presidente que mais fez pelo País? Qual o cargo de Flávio Bolsonaro? Qual o cargo de Lula no PT? Qual o endereço do Presidente da República? Qual o nome do nosso atual Governador 2021? Qual o nome do nosso atual governador? Qual o partido do Bolsonaro direita ou esquerda? Qual o valor da fortuna de João Dória? Qual prefeito de São Paulo? Quando Dória casou? quantas vezes lula se candidatou a presidente Quanto ganha o governador do Estado de São Paulo? Quanto tempo dura o mandato do Jair Bolsonaro? Quanto tempo faz que Jair Bolsonaro é presidente do Brasil? Quantos anos tem a Bia Doria? Quantos anos tem a esposa de Jair Bolsonaro? Quantos filhos o Jair Bolsonaro tem? Quantos filhos tem Bia Doria? Quantos títulos de doutor honoris causa tem o Lula? Quem é a atual esposa de Lula? Quem é a esposa de Flávio Bolsonaro? Quem é a esposa de João Dória? Quem é a primeira dama da cidade de São Paulo? Quem é a primeira esposa de Jair Bolsonaro? Quem é a primeira-dama do Estado de São Paulo? Quem é filho de João Dória? Quem é o governador do seu estado? Quem é o pai de João Dória? Quem são os filhos de João Dória? Quem são os netos de Lula? Quem vota no PT é esquerda ou direita?

Mais posts

Ver mais

Copyright © 2022 - Três Editorial Ltda.
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento: A Três Comércio de Publicações Ltda., empresa responsável pela comercialização das revistas da Três Editorial, informa aos seus consumidores que não realiza cobranças e que também não oferece o cancelamento do contrato de assinatura mediante o pagamento de qualquer valor, tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A empresa não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças.