Farol ISTOÉ

A pulga e Eduardo

Crédito: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

ROMARIA O deputado federal, de mão estendida, gasta solas dos sapatos no Senado atrás de apoio: o mínimo esperado são conversas republicanas nos gabinetes e não troca de favores (Crédito: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados)

Por mais tola que seja a vida de uma pulga, eu queria ser pulga por um dia. Só para saber o que Eduardo Bolsonaro anda conversando com cada senador sobre sua indicação para a embaixada nos EUA. Multiplicam-se as imagens de ele gastando sola no Senado. Em cada gabinete, será que ele apenas pede “vote em mim” ? Ou promete contrapartidas? Será? Será? As pulgas do Senado sabem.