O que mais uma modelo pode querer na vida do que ser parecidíssima com a übermodel Gisele Bündchen? Paula La Croix, carioca de 16 anos, já sabe que a comparação será feita a partir do dia 22, quando ela debutará na São Paulo Fashion Week. “É uma honra. Mas meu objetivo não é ser a Gisele. Tenho minha personalidade.” Nas redes sociais, Paula já tem um certo séquito de fãs: são 267 mil seguidores no Instagram e 45 mil inscritos no seu canal no YouTube. Seus vídeos falam sobre assuntos comuns a uma adolescente: viagens, estudos, dicas de maquiagem e, no seu caso, o trabalho como modelo.

Correndo atrás

A nova Gisele?
Divulgação

Grandes estrelas participam do primeiro filme totalmente feito por negros no Brasil, “Correndo atrás”. No elenco estão a cantora e dançarina Lellêzinha e os atores Juliana Alves, Lázaro Ramos, Ailton Graça e Hélio de La Peña, que é autor do livro que inspirou o longa, e também divide o roteiro e a produção. “É uma comédia, vamos lançar em junho”, conta ele. “É lindo saber que estamos ocupando vários espaços”, disse Lellêzinha, referindo-se ao mercado para artistas negros. A trama fala de Ventania, um homem comum, desempregado, que se vira para sobreviver. Para o diretor Jeferson De, trata-se de “um Dom Quixote black.”

Orquestra de rua

A nova Gisele?
Alexandre Sant’Anna

Na saída de um concerto, ano passado, no Rio, cinco jovens músicos quiseram comer uma pizza mas não tinham dinheiro. Resolveram, então, pegar seus respectivos instrumentos e tocar na rua para arrecadar doações. Deu certo. Naquele dia nasceu a Orquestra de Rua, que se apresenta em eventos pagos e lugares públicos, incluindo as comunidades nas quais os músicos nasceram e vivem. “Nosso projeto é tocar em ruas de favelas às quartas-feiras e aos sábados. Começamos pela Mangueira, Providência e Morro dos Macacos”, disse Gilbert Vilela Gomes Jr, violinista. Os jovens têm entre 18 e 20 anos e fazem faculdade de música. “É lindo tocar uma composição de Beethoven e ver como todos se sensibilizam.”

Final feliz

A nova Gisele?
Divulgação

Enfim, Angelina Jolie e Brad Pitt serão felizes para sempre, sem brigas por causa da prole. O ex-casal concluiu o processo de divórcio de forma amigável, optando pela guarda compartilhada dos seis filhos. A ela caberá, entretanto, as decisões sobre a rotina para que a vida deles não vire uma loucura. Em seu Instagram, a atriz – cada vez mais linda – escreveu, semana passada: “O que eu não gosto em contos de fadas é que eles sempre têm final feliz, as coisas são perfeitas. Mas a vida é um pouco mais complicada e é isso que tento ensinar aos meus filhos.”

Santoro, Marina, Alok

A nova Gisele?
Divulgação

Pela primeira vez, os atores Rodrigo Santoro e Marina Ruy Barbosa vão gravar um clipe: “Ocean”, música feita pelo DJ Alok para uma fã que teve câncer. O clipe será lançado na segunda quinzena e parte da renda será destinada a instituições que cuidam de crianças e jovens com câncer. Depois, Santoro viaja para Londres, onde divulgará a segunda temporada da série “Westworld”, do canal HBO. “Rodrigo é um presente. Seu talento e positividade são fundamentais para dar mais veracidade e importância à mensagem, para despertar nas pessoas o melhor delas”, disse Alok

Mister simpatia

A nova Gisele?
Divulgação

Chris Pratt ganhou a simpatia dos brasileiros que acompanharam sua visita a São Paulo para divulgar o filme “Vingadores: Guerra Infinita”. Com bom humor, o ator atendeu fãs na porta do hotel, elogiou o talento dos artistas que grafitaram o Beco do Batman, foi a uma feira livre comprar frutas, se encontrou com lutadores de MMA e provou a famosa feijoada do Bolinha. No Instagram, exaltou o prato típico brasileiro, explicando que o hábito aqui é comer às quartas-feiras e sábados. “Se pudesse, comeria todos os dias”. O filme, no qual Pratt interpreta o Senhor das Estrelas, estreia dia 26.

Espólio de Renato Russo

A nova Gisele?
Divulgação

O legado de Renato Russo (1969-1996) está no centro de uma briga entre o filho do cantor, Giuliano Manfredini, e sua família. Isso porque o herdeiro doou 200 objetos pessoais do cantor para um bazar em benefício do Retiro dos Artistas, semana passada. A irmã do líder da banda Legião Urbana, Carmem Teresa Manfredini, disse que o patrimônio cultural e artístico do cantor estava sendo dissolvido. “A tristeza é muito grande porque todo o acervo dele foi guardado com muito esmero e carinho até agora.” A diretora do Retiro, Cida Cabral, contestou afirmando que “o mais importante do legado de Russo está guardado no MIS paulistano.”