Os administradores das contas de rede social de Cezar Black, participante de A Fazenda, ameaçaram tomar providências legais após uma série de ataques online sofridos pelo enfermeiro e ex-BBB. As publicações questionam pejorativamente a sexualidade do competidor.

Os insultos começaram com a divulgação de um vídeo do programa da Record TV em que Cezar e o empresário Shayan Haghbin se abraçam. Com a proliferação das postagens, a equipe do ex-BBB publicou uma nota, repudiando as reações e ameaçando judicializar a questão.

“Qualquer tipo de atitude descriminatória não será mais tolerada. Nosso jurídico já está trabalhando mediante constantes denúncias”, diz o texto que exige respeito, publicado no X (antigo Twitter) e Instagram.

Os comentários ganharam força com as interações entre o peão e a cantora de forró Kally Fonseca. Ela tem feito investidas quando exagera na bebida e já chegou a dizer que “ama” o enfermeiro.

Ele, por outro lado, já manifestou não querer uma relação. “Eu não, eu tô fora! Eu tô de boas”, disse na academia após os colegas de reality tentarem botar lenha na fogueira.

Em conversa recente com outro peão, o modelo Yuri Meirelles, Cezar disse ter “uma menina” com quem fica fora da casa e que não vai “magoar ninguém à toa”. “Estou de boa, na paz. Quando um não quer, dois não brigam”, afirmou.