Saúde da mulher

5 fantasias sexuais mais comuns e como praticá-las

Crédito: Unsplash

Inovar durante o sexo é essencial para viver novas experiências, aprimorar a prática e se autoconhecer. Para isso, vale se jogar sem medo nas fantasias sexuais — situações excitantes criadas imaginariamente. Existem inúmeras delas, separamos as cinco mais comuns, que talvez possam te inspirar; veja a seguir e saiba como praticá-las. As informações são da “Woman & Home”.

+ 8 fetiches sexuais que você nem imagina que existam

+ 6 curiosidades sobre o clitóris 

Personagens fictícios ou celebridades

No Reino Unido, uma pesquisa descobriu que uma em cada 20 pessoas no país já se masturbou pensando em um personagem fictício. 

“Nossas fantasias podem ir tão longe quanto nossa imaginação pode nos levar, e a curiosidade sobre personagens de ficção não é incomum. Eles são criados e projetados para se conectar conosco de alguma forma e para nos interessarmos. Embora saibamos que não são pessoas reais, nós nos relacionamos com eles, e uma parte disso pode ser sexualmente”, explica a especialista em sexo e relacionamento Kate Moyle.

Para colocar em prática acompanhada, é preciso ter um(a) parceiro(a) que compreenda sua excitação e esteja aberto para te ajudar a interpretar suas cenas quentes favoritas com este personagem.

O mesmo acontece com celebridades. Nesse caso, também vale recriar cenas de filmes ou videoclipes dessa pessoa. 

Traição

Transar com seu parceiro(a) pensando em outra pessoa ou ficar excitada imaginando isso, também não é incomum. A fantasia sexual de traição pode ser apenas um desejo, não significa necessariamente que você realmente queira terminar seu relacionamento amoroso e encontrar uma nova pessoa. 

“Essa fantasia é natural e nem sempre tem conexão com trapaça. A maioria das mulheres fantasia o sexo com os amigos do parceiro, cunhados, colegas de trabalho ou qualquer outra pessoa. No entanto, não precisa dizer ao seu companheiro o que está imaginando”, diz a psicóloga Emma Kenny.

Esse desejo pode estar relacionado à falta de sexo em sua relação amorosa. Se for isso, a melhor maneira é conversar com seu parceiro para entender o motivo e ajustar as necessidades.

Se mesmo com o sexo frequente em seu relacionamento, você ainda sentir essa vontade, talvez seja válido conversar sobre a possibilidade de incluir uma nova pessoa nas relações sexuais do casal. Para isso, é necessário ter certeza que todas as partes estão consentindo, além de estabelecer limites.

Uniformes e fardamento

Muitas mulheres se sentem atraídas por homens de uniforme e fardamento, como médicos, policiais e bombeiros. “Essas vestimentas são sinônimos de força e conhecimento, e isso é um atalho mental para o sentimento ativado pelo corpo por baixo da roupa”, esclarece Kenny.

Como alternativa, peça ao seu companheiro(a) para se vestir de uma dessas profissões que te atrai.

Dominar ou ser dominada

Ser submissa ou entregar o controle para o outro está entre as principais fantasias sexuais femininas. Nesse caso, vale apostar na prática de BDSM, que significa “Bondage, Disciplina, Dominação, Submissão, Sadismo e Masoquismo”. Nela, vale explorar diferentes sentidos e métodos, como prender, amarrar e restringir com objetivo estéticos, eróticos ou sensoriais.

Sexo em locais públicos

Fazer sexo fora de casa, mais precisamente em lugares públicos, é uma fantasia comum. No entanto, muito arriscada, pois além do risco de ser flagrada por pessoas alheias (inclusive menores de idade), a prática vai contra o Código Penal brasileiro.