Agronegócio

450 toneladas de sementes ‘piratas’ de soja são apreendidas no RS

São Paulo, 7 – A Secretaria de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr) do Rio Grande do Sul participou na quinta-feira, 6, de operação conjunta com o Ministério da Agricultura e a Polícia Civil na apreensão de 450 toneladas de sementes de soja sob suspeita de pirataria.

+ SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria

Conforme nota da secretaria, foram cumpridos 14 mandados de busca e apreensão nos municípios de Santa Bárbara do Sul, Carazinho e Almirante Tamandaré do Sul.

“Considerando o preço base, as sementes apreendidas representam mais de R$ 1,5 milhão. Algumas dessas sementes estavam sendo ofertadas como sementes originais, de custo ainda maior”, explicou a chefe adjunta da Divisão de Insumos e Serviços Agropecuários da secretaria, Rita Antochevis.

Na ação, também foram detectados armazenamento e destinação incorreta de embalagens vazias de agrotóxicos, crimes ambientais de queimadas e agrotóxicos proibidos no Brasil.

Veja também

+Após ficar internada, mulher descobre traição da mãe com seu marido: ‘Agora estão casados’

+ Por decisão judicial, Ciro Gomes tem imóvel penhorado em processo com Collor

+ Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé durante briga por pastel

+ Baleia jubarte consegue escapar de rio cheio de crocodilos na Austrália

+ MasterChef: mesmo desempregado, campeão decide doar prêmio

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Senado aprova alterações no Código de Trânsito Brasileiro

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ O que é pior para o seu corpo: açúcar ou sal?

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea