Saúde da mulher

4 motivos para você apostar em um treino com faixas elásticas

Engana-se quem acha que elas são só uma alternativa para evitar os pesos de musculação! Veja 4 bons motivos para apostar no treino com faixas elásticas

Crédito: Pexels

Originalmente criado como uma alternativa para idosos e pessoas lesionadas aos pesos e aparelhos de musculação, o treino com faixas elásticas é uma nova forma de impulsionar a força muscular e o desenvolvimento funcional para todos.

Mas esse não é o único motivo pelo qual nós amamos esses acessórios na hora de se exercitar. Descubra mais benefícios:

1. Mais ativação muscular

Elas colocam uma tensão constante nos músculos, mantendo-os igualmente envolvidos em ambas as fases de contração e de alongamento de um exercício. Um estudo publicado pelo European Journal of Sport Science concluiu que o uso de elásticos pode aumentar a atividade muscular até 15% mais do que o treino com halteres. Além disso, elasticidade da faixa também permite ativar músculos estabilizadores menores, o que o treino com pesos livres ignora.

Isso porque, com o uso de um elástico para fazer o movimento, você precisa manter controle redobrado durante o exercício. E o melhor: tudo isso sem adicionar peso e desgastar as articulações (principalmente do quadril e dos joelhos).

“No treino com faixas, podemos aumentar a força e resistência muscular sem medo de lesões”, conta Marcos Araújo, personal trainer de Brasília.

2. Perda de peso

A queima calórica está relacionada à ativação muscular: quanto mais fibras musculares você trabalha, mais calorias você queima. E isso apenas durante o tempo de exercício.

No longo prazo, as faixas ajudam a aumentar e a fortalecer a musculatura, estimulando o metabolismo durante o repouso.

Leia mais

2 exercícios fáceis para fortalecer o quadril
Vídeo: 3 exercícios para turbinar o treino de glúteos
Fortaleça e defina seu abdômen com estes 5 movimentos

3. Melhora da postura

Elas são quase um equipamento de autocorreção. Exemplo: colocar a faixa acima ou abaixo dos joelhos para fazer agachamento os força para dentro. Essa condição física é comum para brasileiras, devido ao quadril largo. Posicionando-as assim fará com que você empurre os joelhos para fora, ajudando a ativar musculaturas da coxa e glúteos que corrigem a condição. Uma faixa em volta dos punhos durante a flexão também ajuda a manter os cotovelos no ângulo certo.

4. Fortalecimento de pontos fracos

O treino com as faixas elásticas também traz benefícios para os glúteos e músculos escapulares, que não são ativados com facilidade com pesos livres, segundo Marcos. “Quanto maior a força exercida diretamente sob a faixa, maior será a resistência do músculo e, por esse motivo, a ativação dessa musculatura será mais eficaz.”

Veja também

+ Pronampe: pedidos ao Sicoob somam R$ 500 mi em 1 dia, 41% do limite
+ O anel de noivado de diamantes de Nicola Peltz com o filho de Beckham, custou mais de R$2.3 milhões
+ Leilão de carros tem Camaro a partir de R$ 72 mil
+ Yamaha XSR 155, retrô de baixa cilindrada, é apresentada
+ Veja 7 incríveis casas na natureza para sonhar
+ Tubarão-martelo morde foil de Michel Bourez no Tahiti. VÍDEO
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Saiba em quais lugares o contágio pelo novo coronavírus pode ser maior