Em Cartaz

Raoul Dufy: o pintor da vida moderna

(Museu de Arte Moderna, São Paulo)

Abrangente e bem selecionada, a mostra vinda de Paris reúne 32 telas e 24 aquarelas que justificam o título de pintor da alegria dado ao francês Raoul Dufy (1877-1953). Apaixonado pelos temas marítimos, Dufy cobria o horizonte de suas pinturas com um azul luminoso e quase transparente, certamente lembrança do céu e do mar do Havre, porto no Norte da França onde ele nasceu. Dufy começou impressionista, fez parte do fauvismo, flertou com o cubismo, mas acabou criando um estilo bem pessoal. Munido de um desenho ágil e de cores sempre brilhantes, o artista se especializou em retratar regatas, corridas de cavalos e amenidades mundanas. Mas sempre o fazia com tal graça e leveza que não raro se dizia que suas obras embriagavam de ar e luz quem as via. A observação continua verdadeira. (I.C.)
NÃO PERCA

+ SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria

Veja também

+ Após foto “com volume” ser derrubada no Instagram, Zé Neto republica imagem usando bermuda

+ Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé durante briga por pastel

+ Baleia jubarte consegue escapar de rio cheio de crocodilos na Austrália

+ MasterChef: mesmo desempregado, campeão decide doar prêmio

+ Morre mãe de Toni Garrido: “Descanse, minha rainha Tereza”

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Senado aprova alterações no Código de Trânsito Brasileiro

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ O que é pior para o seu corpo: açúcar ou sal?

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea