Gente

Sem prêmios, por favor

"Não quero prêmio algum." A frase, prepotente só na aparência, é do ex-frei catarinense Leonardo Boff,

"Não quero prêmio algum." A frase, prepotente só na aparência, é do ex-frei catarinense Leonardo Boff, 60 anos, ao ser indicado ao Nobel de Ecologia, prêmio alternativo sueco da ONG Amigos da Terra. O valor em dinheiro é bem inferior ao dos disputados Nobel oficiais, mas provê ainda mais notoriedade aos premiados. Boff não é, assim, um ecofanático, mas foi lembrado pelo que chama de ecologia integral, que inclui a militância social. Ele acaba de lançar o livro Saber cuidar. "Estou honrado, mas esses prêmios originam muitas viagens e não quero perder a liberdade de pesquisar e escrever", justifica.

 

 

 

Por Janete Leão Ferraz – Colaborou Isabel Abdala (DF)