A semana

Pelo telefone

Foi um minuto de linha cruzada e um ano depois o casamento. Era o dia 14 de fevereiro de 1998. Cidade de Porto Alegre. O jornalista aposentado Floriano Hengist Correa, 70 anos, falava ao telefone com um colega. Ao mesmo tempo a comerciante aposentada, Líbera Goulart, 57 anos, recebia a chamada de uma amiga. As linhas de Floriano e Líbera se cruzaram. Floriano ouviu a voz da futura esposa e não hesitou: "Ô Líbera, como é que é. Você é solteira, casada…?"…"Viúva", respondeu ela. "Eu também. E estou louco para me casar", disse ele. Líbera então emendou: "Me dá o seu telefone que depois a gente conversa." Telefone dado, encontro marcado para o dia seguinte. Um ano depois, o casamento.

ISTOÉ – Se não fosse a Telefônica…
Correa – Pois é, era o destino. As linhas se cruzaram e, e

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Cientista desvenda mistério do monstro do Lago Ness. Descubra!
+ Modelo e atriz italiana paga promessa e posta foto ‘só de máscara’ após vitória da Lazio
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel