Brasil

Inimigos Íntimos

Grosserias do fax à parte, fez bem Antônio Carlos Magalhães em não negar que suas relações com o prefeito de Salvador, Antônio Imbassahy, não andavam boas.

Aliás, isso nem é um “furo” da revista. Em 23 de outubro, a Folha de S.Paulo publicou nota intitulada “O poderoso chefão”, segundo a qual, irritado com o atraso de Imbassahy para o embarque num hangar do aeroporto de Brasília, ACM recebeu o prefeito “aos berros, dedo em riste: – Eu marquei às 16h15, você não se atrase! Não se atrase!” O jornalista Kennedy Alencar, editor do Painel da Folha, afirma que a nota jamais foi contestada.

A coluna Fax Brasília, de ISTOÉ, nunca afirmou que o desentendimento do senador com o prefeito ocorreu no dia 8 de outubro. Citou apenas o aniversário da filha de ACM, Tereza. Uma discreta recepção familiar em setembro, na casa do genro de ACM, César Mata Pires, marcou a passagem do aniversário de Tereza. A discrição nesses eventos tem sido exigida por ACM desde a morte do filho. Daí ele ter estranhado a presença de Imbassahy, que não é íntimo da família. O prefeito, por sua vez, contou a amigos que ultimamente o cacique baiano não lhe tem poupado salamaleques. Talvez para desfazer a má impressão pela forma como vinha tratando o apadrinhado.

Veja também

+ Homem salva cachorro da boca de crocodilo na Flórida
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Cirurgia íntima: quanto custa e como funciona
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Honda apresenta a Rebel CMX1100 para bater de frente com a Harley-Davidson
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel