Notícia

Presidente do Irã questiona legitimidade de novo acordo nuclear

O presidente do Irã, Hassan Rohani, questionou nesta quarta-feira a legitimidade de um eventual novo acordo sobre o programa nuclear iraniano, em uma resposta às declarações neste sentido feitas na terça-feira pelos presidentes dos Estados Unidos e da França.

“Junto com um líder de um país europeu, eles afirmam: ‘Nós queremos decidir sobre um acordo alcançado entre sete partes’. Para que? Com que direito?”, questionou Rohani em um discurso em Tabriz, norte do Irã, em referência a Donald Trump e Emmanuel Macron.

Trump e Macron expressaram na terça-feira em Washington o desejo de alcançar um “novo acordo” com Teerã sobre o programa nuclear da República Islâmica do Irã.

Desde que chegou à Casa Branca em janeiro de 2017, Trump critica o acordo concluído em julho de 2015 – durante o mandato de seu antecessor Barack Obama – entre o Irã e o Grupo 5+1 (Alemanha, China, Estados Unidos, França, Reino Unido e Rússia).

Trump classificou o texto, assinado após longas e intensas negociações, como o “pior acordo” aprovado na história de seu país.

“Querem decidir sobre o futuro (do acordo)? Então terão que nos explicar o que fizeram até agora para aplicá-lo”, afirmou Rohani, durante a cerimônia de celebração de Tabriz como capital turística do mundo islâmico em 2018.

mj/neg/gk/acc.zm/fp

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ 10 coisas que os pais fazem em público que envergonham os filhos
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Baleia jubarte quase engole duas mulheres em caiaque; veja o vídeo
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel