Cultura

Lar adotado

Tema de Monica Ali é a imigração

Divulgação

Enclave: Comunidade bengalesa é vista por Monica como microcosmos

Para alguém que aos três anos de idade precisou escapar de seu país e refugiar-se com a mãe inglesa na Grã-Bretanha, a escritora paquistanesa Monica Ali tem matéria-prima de sobra para criar enredos cheios de aventuras. Ter crescido na Inglaterra, entretanto, dirigiu sua literatura para um caminho mais fleumático, e isso fica patente em Um lugar chamado Brick Lane (Rocco, 471 págs., R$ 52), sua obra de estréia. Brick Lane é um enclave bengalês na cidade de Londres, para onde a personagem principal, Nazneen, uma jovem tímida criada em uma cidade pequena de Bangladesh, é transplantada logo após o casamento arranjado com um homem mais velho e de aspirações intelectuais. Sem falar a língua local, Nazneen vê o tempo passar, os sonhos do marido se desmancharem e o orgulho do chefe da família ruir.

Ela não é feminista, mal sabe o que é isso, mas se vê obrigada a desafiar as tradições e os preconceitos em nome da sobrevivência. Ao seu redor, outras pessoas, outros imigrantes, vivem cada um seu drama particular, que é o de
todos. As cartas que recebe da irmã desgarrada na terra natal ajudam a consoli-
dar uma realidade nova e um mundo de oportunidades impensadas e impensáveis há pouco tempo. Ao mostrar estas vidas paralelas, Monica Ali escancara um microuniverso do qual o resto da cidade e do planeta procuram ignorar a existência. Por meio de Nazneen e da sua luta por uma vida melhor no mundo que lhe coube, ela grita em nome de toda uma comunidade que teve a presença permitida sem, entretanto, ter sido aceita jamais.


+ Grávida do quinto filho, influenciadora morre aos 36 anos
+ Após assassinar a esposa, marido usou cartão da vítima para fazer compras e viajar com amante

Veja também

+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Jovem morre após queda de 50 metros durante prática de Slackline Highline
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel