Edição nº2504 08.12 Ver edições anteriores

Fé no bigode

No almoço que ofereceu aos senadores do Partido Progressista, no Palácio da Alvorada, na quarta-feira 15, Dilma Rousseff foi só elogios a José Sarney

Governo
Fé no bigode
BOECHAT_01_IE-2171.jpg

No almoço que ofereceu aos senadores do Partido Progressista, no Palácio da Alvorada, na quarta-feira 15, Dilma Rousseff foi só elogios a José Sarney. “É um especialista em conciliar posições.” Portanto, não houve surpresa quando ela, minutos depois, revelou que delegou ao presidente do Congresso a missão de achar um bom termo entre os interesses dos Estados, na questão do pagamento dos royalties do petróleo. 
 
STJ
Fim da blindagem
O STJ acaba de fazer uma mudança radical em sua jurisprudência. Por unanimidade, a 2ª Turma acolheu voto do ministro Herman Benjamin e considerou “abusiva” a cobrança da tarifa de armazenagem que a Tecon Rio Grande estava cobrando sobre carga em trânsito em portos gaúchos que administra. A empresa queria que a questão fosse decidida exclusivamente pelo Cade, sem nenhum tipo de recurso.
 
Fisco
Pente-fino
BOECHA-03-IE-2171.jpg 
Mais uma socialite dona de estabelecimento comercial de luxo pode estar enrolada com o pagamento de impostos no Brasil. A empresária paulista Carin Mofarrej tem a filial de Salvador de sua Momussk Joalheria sendo alvo de grande ação da fiscalização da Secretaria Estadual de Fazenda da Bahia. A loja fica no EcoResort Tivoli, sofisticado cinco-estrelas localizado na Praia do Forte.  

 

 
Justiça
Com estilo
Boechat_07.jpg 
O ministro Marco Aurélio Mello arrancou boas risadas no plenário do Supremo Tribunal Federal, durante a sessão do julgamento que considerou legal a marcha da maconha. “Ante o pronunciamento muito bem baseado do ministro Celso de Mello (relator), acompanho seu voto e considero liberada a manifestação”, destacou, antes de se aprofundar no assunto.

 

 
STF
Lixo do PT
A ação contra a Tecon iniciada no Ministério Público Federal passou em Brasília pelas mãos do subprocurador Moacir Guimarães. Foi ele que, aliás, em 2006, no STJ e no STF, questionou a conduta anticompetitiva do consórcio de empresas ganhador de milionário contrato para a coleta do lixo na cidade de São Paulo, na gestão de Marta Suplicy. O caso permanece aguardando julgamento no supremo.
 
África
Olhos no mercado
Dirigentes do Instituto Sensus passaram a semana em Luanda, capital de Angola. A presença do grupo no país africano está relacionada com a eleição presidencial de 2012. O pleito, marcado para setembro, sempre desperta grande interesse em empresas de marketing e de pesquisas no Brasil.
 
OAB
Tá salgada!
É crescente a chiadeira entre bacharéis de direito em todo o País na hora de fazer o exame da Ordem dos Advogados do Brasil. A taxa de inscrição de R$ 200 é bem superior ao que se cobra na maioria dos concursos públicos pelo País.
 
Política
Em cima do laço
BOECHAT-04-IE-2171.jpg 
No apagar das luzes da quinta-feira 16, Renan Calheiros mudou de opinião e incluiu em seu relatório, na Comissão de Constituição e Justiça, proposta para que os mandatos de presidente, governadores e prefeitos seja de quatro anos, com reeleição. A iniciativa do senador derrubou a proposta original da reforma política – cinco anos para esses cargos, sem direito a nova eleição. O vaivém será decidido no colegiado na próxima semana.
 

ONU

Vote em mim
A visita ao Brasil de Ban Ki-moon, secretário-geral das Nações Unidas, na quinta-feira 16 e sexta-feira 17, não tem nenhum efeito prático, como assegurar cadeira no Conselho de Segurança da entidade. Na verdade, o sul-coreano faz um périplo pela América do Sul única e exclusivamente para conseguir votos visando a sua recondução ao cargo, este ano.
 
TCU
Dia D
BOECHAT-05-IE-2171.jpg
A última sessão do ministro Ubiratan Aguiar, no Tribunal de Contas da União, será no dia 6 de julho. A decisão dele, de antecipar aposentadoria, noticiada aqui, provocou uma correria ao cargo. O ex-deputado vai se dedicar à advocacia eleitoral. 

 
Economia
Intimidade com o cliente
A partir da segunda-feira 20, o Banco do Brasil usará em agências no Rio de Janeiro, em São Paulo e Brasília um modelo de autenticação em máquinas de autoatendimento que considera a biometria do cliente. A verificação das veias do dedo, da palma da mão e da impressão digital do cliente serão chaves no acesso aos dados. 
 
Educação
Chuva de processos
Algo estranho em Fortaleza. A Justiça Federal tem acolhido um crescente número de mandados de segurança, todos destinados à Universidade Federal do Ceará. O objetivo é a revalidação de cursos superiores feitos no Exterior. É também esquisito nessas ações que muitos dos autores vivam em outros Estados.
 
Governo
Olhos & ouvidos
O estilo de trabalho de Gleisi Hoffmann chamou a atenção de quem circulou pelo Palácio do Planalto esta semana. Ela acompanhou Dilma Rousseff em quase todas as reuniões. Mas, ao contrário de quando a presidente era a mandachuva da Casa Civil, a nova ministra participa das reuniões de forma discreta, quase não fala e toma nota de tudo. Daí ter sempre caneta extra na bolsa.
 
Cinema
Drama na tela
Depois de Pernambuco, onde estreou na sexta-feira 17, o documentário “Vou Contar Para Meus Filhos” será exibido em outros Estados dentro do projeto Marcas da Memória, da Comissão de Anistia do Ministério da Justiça. A obra de Tuca Siqueira, que retrata a história de 24 presas políticas no Recife, no período da ditadura militar, foi idealizada pela escritora Yara Falcon e a economista Lilia Gondim. “Somos mulheres que se orgulham de ter uma presidente mulher e ex-presa política”, disse a primeira.
 
Eleições
A escolha de Gleisi…
BOECHAT-06-IE.jpg 
Ao sair sob pressão da Casa Civil, Antônio Palocci deixou casos delicados para trás. Sepúlveda Pertence, presidente da Comissão de Ética da Presidência da República, tem o filho Evandro na disputa por uma vaga de ministro substituto do TSE. Também no páreo, Joelson Dias, candidato à reeleição, e ex-sócio de Erenice Guerra numa banca de advocacia.


Mais posts

Ver mais

Copyright © 2017 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicações Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.