Mundo

Entenda como os EUA encontraram e mataram Osama bin Laden

Além do terrorista, três homens e uma mulher morreram; ela foi usada como escudo humano

Entenda como os EUA encontraram e mataram Osama bin Laden

bin laden_site.jpg

+ SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria

Presidente americano Barack Obama anuncia a morte de Osama bin Laden

 

000_Was3900580.jpg
 Osama bin Laden foi encontrado em uma mansão em uma cidade pacífica do Paquistão 

Por quase uma década os Estados Unidos caçaram Osama bin Laden, a cabeça mais almejada pelos serviços de segurança e investigação norte-americanos. Por quase uma década, as informações foram difusas e contraditórias e, pouco mais se sabia além de que o líder da Al-Qaeda estaria escondido, de alguma forma, em algum local entre o Paquistão e o Afeganistão.

Foi através do principal mensageiro pessoal de Bin Laden que a caçada ao terrorista chegou ao fim neste domingo, 1º de maio. Segundo informações dos jornais The New York Times e The Guardian, tudo começou quando as autoridades investigativas norte-americanas tomaram conhecimento do emissário através de depoimentos de prisioneiros na Baía de Guantánamo.

O caminho para Bin Laden

000_Was3901020.jpg
Foto mostra a residência de Osama, cercada por muros e arames farpados 

O mensageiro – cujo nome permanece não revelado – passou a ser conhecido do governo dos EUA há quatro anos, mas somente dois anos depois descobriu-se a região em que ele atuava. Segundo as informações dos jornais, o mensageiro, em quem o terrorista confiava plenamente, era intimamente ligado a Bin Laden.

O passo decisivo veio em agosto do ano passado, quando o serviço de inteligência americano localizou com precisão a base de operações do mensageiro: um composto bélico em Abbottabad, uma cidade de meio porte, localizada a cerca de uma hora da capital paquistanesa, Islamabad. Após muitas semanas de intensa investigação, baseada em relatórios e fotos de satélite, concluiu-se que havia uma "forte chance" de que Bin Laden estivesse escondido numa mansão na cidade. A mansão, acreditam ainda, teria sido construída em 2005 especificamente para esconder o líder da Al-Qaeda.

Desde meados de março – ou seja, há cerca de seis semanas -, Obama participou de cinco encontros, realizados na Casa Branca, nos quais a operação do assalto a Bin Laden foi planejada. Nenhum governo estrangeiro – inclusive o paquistanês – foi avisado dos trabalhos para não prejudicar a operação.

A operação

000_Was3901024.jpg
Ilustração revela detalhes da mansão construída especialmente para abrigar Osama

Contrastando com os 10 anos de buscas incansáveis com o objetivo de coroar a "guerra contra o terror" inaugurada pelo ex-presidente George W. Bush, e após meses de pesado e secreto trabalho investigativo, a caçada a Bin Laden foi um serviço rápido: em apenas 40 minutos, soldados chegaram de helicóptero à mansão de Abbottabad e invadiram a casa.

Um dos principais desafios à operação era a altura e a espessura das paredes da casa, além das cercas de arame farpado que cercavam a residência. A parte principal da mansão tem três andares e poucas janelas. Vivia no local uma família, que, ao longo das investigações, foi identificada como a família de Bin Laden.

Quatro helicópteros americanos decolaram da cidade de Ghazi com tropas de elite e uma unidade de combate ao terrorismo participaram da operação. Quando chegaram à região da mansão, homens subiram ao terraço da mansão e dispararam foguetes. Houve explosões, mas, até agora, foi confirmado que somente um dos helicópteros pousou por problemas mecânicos.

O passo-a-passo da operação ainda não foi esclarecido. Sabe-se que as tropas invadiram a mansão – sem objetivo específico, de acordo com o jornal El País, de assassinar Bin Laden. Após a aproximação e a invasão das tropas, houve trocas de tiros. Bin Laden teria resistido ao ataque, mas acabou morto com um tiro na cabeça.

Na operação também morreu o mensageiro que possibilitou a operação, além de um irmão e um filho do líder. Uma mulher também teria morrido ao ser usada como escudo humano. Quatro crianças e duas mulheres foram levadas em uma ambulância. Após a operação, o helicóptero danificado foi destruído pelos soldados norte-americanos.

Bin Laden foi reconhecido por meio de seu rosto e teve seu corpo posto num helicóptero e levado embora do local. Pouco depois, o líder da Al-Qaeda e maior procurado pelo governo americano, foi sepultado no mar. A localização não foi informada.

Vizinhança

A morte de Osama Bin Laden em uma luxosa e protegida mansão de Abbottabad assustou os moradores da bela cidade paquistanesa. Os vizinhos ainda custam a crer que o homem mais procurado do mundo morava na outra esquina e contam, com medo, os detalhes da operação americana. "Não tinha a menor ideia do que acontecia ali", conta Wassem à AFP não muito longe de onde os militares norteamericanos mataram o fundador da Al-Qaeda.

"É um bairro muito tranquilo, o mais pacífico" da região, acrescenta enquanto se refere ao local onde ficava a casa de três andares de muros altos e arames farpados. Um alfaiate local, Ejaz Mahmud, conta pela enésima vez o susto de ver "uma grande bola de fogo cair do céu" no começo do ataque, por volta de meia-noite.

A surpresa foi ainda maior quando os habitantes da pequena cidade viram pela televisão o presidente americano, Barack Obama, anunciar que Bin Laden foi morto na casa em que morava, em Abbottabad. "Nós ficamos tristes. Estamos preocupados com a nossa cidade que de repente se tornou o foco do mundo", afirma Mahmud. "Ouvimos sirenes, pessoas gritando e logo depois as chamas… Todos estavam com medo", acrescentou.

Como a maioria dos habitantes, o alfaiate não levou os filhos na escola. "A polícia e as forças de segurança fecharam o bairro e não temos o direito de entrar e sair", explica. A mansão que abrigava Osama Bin Laden, ao lado de um campo de plantação de batatas, fica num vale de eucaliptos. O muro de proteção da casa media entre quatro seis metros de altura e a região era cercada por numerosos policiais e soldados.

Um dos policiais que estava a 300 metros do local manifestou a incredulidade. "Bin Laden aqui? Não acredito, ninguém acreditaria", afirma. "Nos chamaram às três da manhã, duas horas depois da operação militar ter acabado. Não sabíamos o que tinha ocorrido", diz um dos policiais que não quis se identificar. "Isso tudo é muito engraçado!", conclui enfático.

Mansão

Mahzar Ahmed, 40 anos, garante que a mansão é gigantesca e que um cabo elétrico percorre em volta dos muros da casa avaliada por uma tv paquistanesa em um milhão de dólares. Outros habitantes dizem que o telhado era cheio de antenas e tinha muitas câmeras de segurança Doze horas depois do ataque, era possível ver, ainda de longe, os militares tentando apagar o incêndio da mansão
Um jornalista da AFP testemunhou cinco caminhões do exército paquistanês levando os restos de um helicóptero americano. Os Estados Unidos admitiram ter perdido a aeronave devido a um defeito mecânico. Hora nenhuma, nem nos momentos mais loucos teríamos imaginado que Osama Bin Laden estaria aqui, diz emocionado Aurangzeb Jan, um taxista local. Parece um filme, ou um tipo de jogo entre o Paquistão e os Estados Unidos, acrescenta um pouco hesitante.

 

Veja também

+ Após foto “com volume” ser derrubada no Instagram, Zé Neto republica imagem usando bermuda

+ Jovem é suspeita de matar namorado com agulha de narguilé durante briga por pastel

+ Baleia jubarte consegue escapar de rio cheio de crocodilos na Austrália

+ MasterChef: mesmo desempregado, campeão decide doar prêmio

+ Morre mãe de Toni Garrido: “Descanse, minha rainha Tereza”

+ Jojo Todynho solicita ajuda médica e preocupa fãs

+ Capacete estilo astronauta contra Covid-19 gera polêmica na internet

+ Vídeo: Acompanhado por 140 militares, caça Gripen é rebocado pelas ruas de Navegantes

+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago

+ 12 razões que podem fazer você menstruar duas vezes no mês

+ Arqueólogo leva 36 anos para montar maquete precisa da Roma Antiga

+ Senado aprova alterações no Código de Trânsito Brasileiro

+ Por que não consigo emagrecer? 7 possíveis razões

+ O que é pior para o seu corpo: açúcar ou sal?

+As 10 picapes diesel mais econômicas do Brasil

+ Cozinheira desiste do Top Chef no 3º episódio e choca jurados

+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?

+ Educar é mais importante do que colecionar

+ Pragas, pestes, epidemias e pandemias na arte contemporânea