Mundo

Inundações na Austrália causam mais quatro mortes

Outras seis pessoas estão desaparecidas; cidades foram inundadas ou divididas pela água

Inundações na Austrália causam mais quatro mortes

000_Hkg4434228.jpg

 

Novas chuvas provocaram nesta segunda-feira (10) cheias inesperadas e a morte de mais quatro pessoas no nordeste da Austrália afetada há vários dias por inundações sem precedentes. Depois as fortes tempestades do final de semana, que intensificaram a cheia dos rios, uma nova precipitação inundou as ruas de Toowoomba, 130 km a oeste de Brisbane (Queensland, nordeste). Uma pessoa morreu afogada, segundo o prefeito da cidade de 130.000 habitantes.

Outras três pessoas morreram e seis se encontram desaparecidas. As casas de madeira foram arrancadas de suas fundações e arrastadas por centenas de metros pela correnteza, que também jogou os carros contra as lojas e arrancou as bombas dos postos de gasolina.

Ao norte de Brisbane, a cidade de Gympie se encontrada dividida pelas águas, enquanto no oeste, inundado pela quinta vez nos últimos dias, parte de seus 130.000 habitantes tiveram que abandonar suas casas. Em Brisbane, capital de Queensland, foram distribuídos sacos de areia devido à ameaça de novas chuvas sobre as partes baixas da cidade de dois milhões de habitantes.