Esportes

‘Vou até o fim’, diz Cuca após mais um tropeço do Palmeiras

‘Vou até o fim’, diz Cuca após mais um tropeço do Palmeiras

Pressionado após mais um tropeço do Palmeiras no Campeonato Brasileiro, o técnico Cuca garantiu depois da derrota por 2 a 0 para a Chapecoense, neste domingo, no Allianz Parque, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro, que não vai deixar o cargo. O Palmeiras somou apenas um ponto dos últimos nove disputados e, com 33, está na quarta colocação.

“Quanto à minha situação, eu falei na sexta-feira que vou até o fim. E vou até o fim. Vou preparar para o trabalho da semana e não tenho nada mais a falar”, disse o treinador.

Cuca não escondeu o decepção com o rendimento da equipe diante de um adversário que luta contra o rebaixamento. O Palmeiras teve mais posse de bola, mas não conseguiu criar chances de gol. “É muito doloroso perder em casa do jeito que foi. Todo ser humano tem de ter confiança no que faz, e quando essa confiança diminui, você tem de achar maneiras de retomar. Em nenhum jogador você vê falta de entrega, de doação, mas o erro está acontecendo”, analisou.

O treinador evitou apontar culpados pela má fase da equipe. Além de estar 14 pontos atrás do líder do Corinthians no Campeonato Brasileiro, o Palmeiras foi eliminado da Libertadores e da Copa do Brasil e são as grandes as chances de terminar o ano sem nenhum título.

“Ainda não conseguimos fazer uma grande partida e dar sequência a um time em cima dessa grande partida. Não se trata de culpa de A, B ou C. O time não anda como não poderia andar, mas hoje estamos em quarto. Não é o que a gente quer, mas não é o fim do mundo também”, afirmou.

O próximo jogo do Palmeiras será domingo, contra o São Paulo, novamente na arena do clube, e Cuca aposta as suas fichas na recuperação da equipe diante do rival. “Quem sabe no clássico as coisas possam acontecer. Hoje temos de administrar essa derrota que não estava nos planos de ninguém”, disse.