A semana

Uma cerveja de 5 mil anos

Uma cerveja de 5 mil anos

Nem Bélgica, nem Alemanha, nem Irlanda. A cerveja mais antiga do mundo é chinesa. Em escavações nas proximidades das margens do rio Wei, arqueólogos da universidade americana Stanford descobriram um jogo de equipamentos para fabricação de cerveja. Com o resíduo da bebida que encontraram no interior de algumas peças, foram capazes de reproduzir a receita original, elaborada há cerca de cinco milênios. Cevada, milho-miúdo, capim-de-nossa-senhora  e tubérculos são alguns de seus componentes. As escavações aconteceram em dois sítios arqueológicos datados entre 3.400 e 2.900 a.C.. Outros artefatos encontrados incluem instrumentos para a fermentação (foto), filtros e fornos. O estudo foi publicado na revista norte-americana Proceedings of the National Academy of Sciences.