Edição nº2480 23.06 Ver edições anteriores

Nada mudou

96
Antonio Cruz/ Agência Brasil

Passado mais de um ano da gestão Michel Temer, o Planalto, o Jaburu e o Alvorada, além da Granja do Torto, continuam sem câmeras de segurança. Em janeiro passado, o chefe do Gabinete da Segurança Institucional, Sérgio Etchegoyen (foto), criticou Dilma Rousseff por não ter instalado os equipamentos em 2009, quando reformou o palácio sede do governo: “É muito conveniente não haver registro nem para a defesa das pessoas, nem para qualquer acusação do Ministério Público”. Resta perguntar ao general porque a situação continua na mesma.

Justiça trabalhista
Rigor infantil

Ives Gandra Martins Filho pediu ao CNJ para punir colegas de toga de diferentes regiões do País. Considera “ofensa” a reação dura de alguns juízes que criticaram atos de sua gestão à frente do TST. Já vários magistrados acham ruim, no âmbito pessoal, serem apontados como perseguidores de empresas e superprotetores de empregados, entre outras coisas. Em meio ao clima fica sugestão ao CNJ para agir tal como uma mãe diante de filhos arteiros: “quem bateu primeiro?”

Rio 2016
Último round

Está livre para voltar ao Marrocos o boxeador Hassan Saada. Na terça-feira 6, a 7ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro devolveu o passaporte ao atleta. Não ficou provada a acusação do Ministério Público de que ele tentou estuprar duas camareiras da Vila Olímpica, na véspera da Rio 2016. Elas caíram em contradições nos depoimentos — uma sumiu ao longo do processo. Dentro e fora da cadeia, Hassan jurou ter “apenas” proposto uma saída a três.

 

Poder
No olho do furacão

Causa desconforto na Procuradoria Geral da República a situação singular de Gustavo Rocha, subchefe de Assuntos Jurídicos da Casa Civil. Como advogado, por indicação do Senado, ele ocupa cadeira no Conselho Nacional do Ministério Público, órgão subordinado a Rodrigo Janot. O chefão do MPF, em guerra aberta contra Michel Temer, está a um passo de denunciar o presidente — que em sua defesa tem, entre outros… Gustavo Rocha.

JBS
Xeque-mate

99
JOAO CASTELLANO / AG. ISTOE

Na terça-feira 6, Wesley Batista reuniu representantes de 13 bancos, inclusive estrangeiros, na sede da JBS, em São Paulo. Sem meias palavras, disse que não tem como pagar os R$ 22 bilhões em dívidas de curto prazo do grupo e pediu prorrogação dos vencimentos por, pelo menos, um ano. O empresário acrescentou um alerta: se a relação da empresa com bancos americanos se deteriorar, diante de entraves que possam bloquear o acordo de leniência que lá está sendo negociado, a situação vai piorar. Muito.

Oh, Cisne Branco…
Segurança de quem?

97
Divulgação

Na mesma semana em que o Atlas da Violência 2017 revelou que no Brasil 60 mil pessoas são assassinadas por ano, uma delegação do Comando da Marinha chegou a Londres para negociar a compra do porta-helicópteros “Ocean”, banheirão com 20 anos de uso que a Armada britânica aposentará. O mimo flutuante vai custar cerca de R$ 320 milhões, fora gastos futuros com equipamentos e armas. As quadrilhas que assolam nossas cidades estão preocupadíssimas.

Saúde
Para virar a página

95

Na última semana de junho entra em operação um sistema que visa coibir fraudes na comercialização, prescrição e uso de dispositivos médicos implantáveis no País. A parceria da Anvisa com a Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia envolve seis hospitais — três de São Paulo, dois de Curitiba e um de Porto Alegre. O foco inicial recai sobre stents cardiológicos e próteses de quadril e de joelho. O SUS e as operadoras de seguro-saúde terão certeza da qualidade técnica do material utilizado, que passa a ter registro na Anvisa. Além do benefício aos pacientes, que receberão equipamentos 100% confiáveis, mais adiante será possível cadastrar o preço pago, evitando cobranças “extras” a hospitais e profissionais de saúde.

Fazenda
Conectado

Henrique Meirelles gostou muito de sua primeira semana na rede social. Em 24h no Twitter, o ministro da Fazenda teve 15.800 seguidores. Ele está com um público bem qualificado. Os críticos podem citar Barack Obama, que na estréia no microblog, em março de 2015, alcançou 1 milhão de seguidores num só dia. Mas calma, gente, o homem era presidente dos EUA. Por aqui, o animado Meirelles agora se prepara para criar uma página no  Facebook.

Em liquidação
Negócios são negócios

Em debate da Associação Brasileira de Private Equity e Venture, na segunda-feira 5, o economista chefe do Bradesco, Fernando Honorato, revelou que investidores estrangeiros estão menos preocupados que os brasileiros diante dos escândalos que estouram por aqui. Ele contou que se reuniu com executivos de grupos internacionais dias depois da divulgação da delação premiada da JBS. E, não sem alguma surpresa, ouviu-os reagir ao escândalo com certa alegria. Por razão muito objetiva: “o preço dos ativos que queremos comprar vão ficar mais baratos”.

Tribunais
Denúncia contestada

Em sessão plenária na quarta-feira 7, por unanimidade, o Instituto dos Advogados Brasileiros subscreveu as conclusões do VIII Encontro Brasileiro de Advogados Criminalistas, aprovadas em João Pessoa (PB), 48h antes. De novidade, a recomendação para que os advogados “se abstenham de participar de delações premiadas, instrumento que viola garantias constitucionais fundamentais ao estado de direito democrático”.

Frigoríficos
Pegou e fechou

94
Claudio Gatti

Começou um movimento entre empresários do agronegócio e fazendeiros de gado. O objetivo é juntar munição para levar a JBS ao Cade, pelo que consideram “abuso de poder de mercado e infração à ordem econômica”. Recentemente, o grupo comprou muitas plantas de frigoríficos, sobretudo no Pará, Mato Grosso e Rondônia, fechando as unidades a seguir. Com isso, a JBS ditava os preços do boi e fixava o prazo que queria para pagamento dos animais comprados.

Esportes
Das ruas para os estádios

93
Daniel Zappe

Dos 25 atletas convocados para representar o Brasil no Campeonato Mundial de Paratletismo, em Londres, no mês que vem, 12 subiram ao pódio nos Jogos Paralímpicos Rio 2016. Outro dado curioso é que dois membros da nossa delegação são policiais militares (reformados) feridos em combate. O carioca Jonas Licurgo foi atingido durante um confronto com bandidos em Madureira, Zona Norte carioca, em 2000. Já o paulista Andre Rocha caiu de um muro durante uma perseguição policial, em 2005. Boa sorte a todos!

Música
Acordes na festa

As homenagens pelos 80 anos de Roberto Menescal, que serão completados em outubro, incluEM um especial no Canal Brasil, além de um filme e um livro. Dias 4 e 5 de julho será gravado um musical em estúdio no Rio de Janeiro, com 15 artistas cantando 15 composições escolhidas pelo aniversariante. Assim que tudo terminar, Menescal parte para a Europa, para uma serie de apresentações.

 


Mais posts

Ver mais

Copyright © 2017 - Editora Três
Todos os direitos reservados.

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicações Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.