Brasil

PF recolhe grande malote em gabinete de deputado de MT

A Polícia Federal (PF) deixou por volta das 10h45 desta quinta-feira, 14, o gabinete do deputado Ezequiel Fonseca (PP-MT) na Câmara, em Brasília, depois de passar mais de três horas no local. Os agentes saíram de lá carregando um grande malote com documentos.

Fonseca é alvo da Operação Malebolge, 12ª fase da Ararath, que investiga esquema de corrupção em Mato Grosso e que também vasculhou nesta manhã endereços do ministro da Agricultura, Blairo Maggi, citado em delação do ex-governador Silval Barbosa (PMDB).

Ao todo, os agentes cumprem mandados de busca e apreensão em 64 endereços, expedidos pelo Supremo Tribunal Federal (STF), nas cidades de Cuiabá, Rondonópolis, Primavera do Leste, Araputanga, Pontes e Lacerda, Tangará da Serra, Juara, Sorriso e Sinop, todas em Mato Grosso, além de Brasília e São Paulo.