Especial 40 anos

Mensalão: o País pune os corruptos

O PT é flagrado comprando apoio político e seus principais líderes são condenados

Mensalão: o País pune os corruptos

DENÚNCIA - O então deputado Roberto Jefferson, que revelou o esquema de compra de votos no Congresso


Brasil/Corrupção 2005

A deputada Cristiane Brasil (PTB-RJ) soube das denúncias que seu pai, o também deputado Roberto Jefferson, faria contra o PT e o então ministro-chefe da Casa Civil José Dirceu, um dia antes delas serem feitas, em 2005. Sua mãe ligara avisando sobre as revelações que seriam feitas por ele. E Cristiane simplesmente assistiu com uma visão privilegiada ao que chama de “uma bomba caindo sobre o Brasil”. “Eu fiquei apavorada”, diz ela.

Lavagem de dinheiro

Foi a partir daquela entrevista que o Brasil passaria a conhecer o Mensalão, a compra de votos de parlamentares com propinas, em troca de apoio aos projetos do governo, feita durante o primeiro mandato do presidente Lula. Políticos ligados a diversos partidos recebiam R$ 30 mil por mês, num esquema orquestrado por José Dirceu e operado pelo publicitário Marcos Valério e pelo tesoureiro do PT, Delúbio Soares. O dinheiro usado para o pagamento dos parlamentares era desviado de empresas públicas, num amplo esquema de lavagem de dinheiro e corrupção. Em 2012, o STF iniciou o julgamento do Mensalão e condenou 25 dos 38 réus. “Ali eu já sabia que a história política do Brasil não seria mais a mesma, que algo irreparável havia se quebrado”, diz Cristiane.

À época vereadora, em seu primeiro mandato, Cristiane conta que virou “persona non grata” em muitos ambientes políticos. Porém, ela acredita que ali foi o princípio do fim da hegemonia do PT. “Parece incrível, mas depois do Mensalão o PT permaneceu ainda por oito anos no poder: a Dilma foi eleita, reeleita, e só agora, com a Lava Jato, as pessoas parecem ter percebido que as práticas nocivas continuaram”, diz. “Só que as coisas parecem ter mudado, muita gente foi para as ruas, lutar por um País melhor, mais transparente, menos corrupto. A grande vitória do processo que começou com a denúncia do mensalão é que a política hoje é um assunto do povo.”

“Ali eu já sabia que a história política do Brasil nunca mais seria a mesma. A grande vitória do processo que começou com a denúncia do Mensalão é que hoje a política é um assunto do povo” Cristiane Brasil (PTB-RJ), 42 anos, deputada e filha de Roberto Jefferson
“Ali eu já sabia que a história política do Brasil nunca mais seria a mesma. A grande vitória do processo que começou com a denúncia do Mensalão é que hoje a política é um assunto do povo” Cristiane Brasil (PTB-RJ), 42 anos, deputada e filha de Roberto Jefferson


+ MS: Homem que revelou amante pouco antes de ser intubado deixa UTI-covid
+ Ratinho critica Dudu Camargo: ‘Só o Silvio gosta dele’



Veja também

+ Receita de bolinho de costela com cachaça
+ Descoberta no deserto do Kalahari leva a revisão da origem humana
+ Receita de panqueca americana com chocolate
+ Receita rápida de panqueca de doce de leite
+ Contran prorroga prazo para renovação da CNH
+ Vídeo: o passo a passo de como fazer ovo de Páscoa
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Sucuris gigantes são flagradas em expedições de fotógrafos no MS